Abrir menu principal
Lábris minoico ornamentado de ouro

Lábris[1] (em latim: λάβρυς; transl.: lábrys), também chamado machado da dupla lâmina, é um machado de dupla face simétrica, conhecido pelos gregos clássicos como pelequis (pelekys) ou sagáris[2]

Também era usado como cetro pela deusa DeméterÁrtemis - deusa da Terra, e os rituais associados a deusa Demétria envolviam atos lésbicos. Uma teoria sugere que ele poderia ter sido utilizado originalmente na batalha das mulheres guerreiras citas. Outra teoria aponta que o machado é utilizado normalmente em muitas sociedades matriarcais. Ele era usado como símbolo apenas, e talvez como ferramenta, uma vez que sua cabeça pesada o faz impossível de manejar durante um combate. Atualmente é um símbolo lésbico, um dos mais conhecidos.

BibliografiaEditar

  • Cardoso, Julimar (1953). No país de Ulisses: uma historia da literatura grega. Salvador: Progresso 

Referências

  1. Cardoso 1953, p. 12.
  2. O termo que se referia a um machado de lâmina única era hēmipelekys "meio-pelequis", e.g. Il. 23.883.