Língua tanchangya

Tanchangya
Falado(a) em: Bangladexe, Índia, Mianmar
Região: Chatigão, (Bangladexe)
Mizorã e Tripurá (Índia)
Arracão, Mianmar)
Total de falantes: 2 mil (1991)
Família: Indo-europeia
 Indo-iraniana
  Indo-ariana
   Oriental
    Bengali–assamesa
     Tanchangya
Escrita: escrita tanchangya
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: tnv

Tanchangya é uma das onze línguas indígenas de Chatigão, Bangladexe, e um grupo étnico dos estados indianos de Tripurá e Mizorã, bem como de Arracão, Mianmar. É classificada como uma língua indo-ariana, apesar de alguns estudiosos terem a opinião de que seja uma língua tibeto-birmanesa.[1][2] Está intimamente relacionada com o chakma e o chatigonês.

VocabulárioEditar

A língua tanchangya está enraizada em línguas indo-arianas, com uma mistura de Páli, Sânscrito, Prácrito e outras línguas indo-arianas intermediárias.

Tanchangya antigoEditar

Acredita-se que as palavras do antigo tanchangya sejam as realmente originais da língua, já que essas palavras foram transmitidas há muito tempo. Não é simplesmente devido ao seu uso anterior, mas são universalmente compreendidas por todos os tanchangya, apesar de qualquer distribuição geográfica. De acordo com a coleção de Roti Kanta Tanchangya de algumas palavras antigas de tanchangya.[3]

Tanchangya Português
Awga (অগা) não educado, não civilizado
Awnsur (অন্সুর্) regularmente, sempre
Awnawpinaw (অন-পিন); Awnaw-sawnaw (অন- সনঅ) insano, louco
Awrawk (অরক্) ninho
Hawla (হলা) fritar, arbustos grossos
Awsangya (অসাঙ্যা); Besangya (বেসাঙ্যা) relação sem casamento
A-uk/Aruk (আ-উক্, আরুক্) pintura

Indo-arianaEditar

A antiga língua indo-ariana, o sânscrito, é a língua mais influente com impacto na maioria das línguas indo-arianas médias atuais, como sem hindi, e com odiya, bengali e assamês e até mesmo na língua tanchangya com forma distorcida e meio assimilada. Embora a língua tanchangya seja considerada a família de línguas indo-arianas, devido à sua longa ligação com o sânscrito, seus vocabulários são formas distorcidas quase impossíveis de rastrear. De acordo com ‘Tanchangya Parichiti’ escrito por Biro Kumar Tanchangya das palavras originadas da língua indo-ariana.

Tanchangya Pāḷi/Sanscrito Português
Manai, Manei, Manus, Manuit (মানাই, মানেই, মানুইস্, মানুউত্) Manussa/Manusa Homem
Mela (মেলা) Mahilā Mulher
Ucu, Uju (উচু, উজু) Uju (Pāḷi) Retilíneo

Tibeto-birmanêsEditar

A língua tanchangay não pertence à família linguística tibeto-birmanrda; no entanto, até hoje existem muitos termos religiosos budistas encontrados na língua tanchangya. Acredita-se que, após o estabelecimento do primeiro Império de Mianmar, a Dinastia Bagan no século XI d.C, a língua de [[Mianmar}} e sua cultura influenciaram as tribos vizinhas de muitas maneiras.

Tanchangya Myanmar/Arakanese Português
Pullyang/Pillang (পুল্ল্যাং পিলাং) Palawng (Burmês) Tradicional cesta de cana
Pullang (পুলাং) Paleing (Burmês) Garrafa
Dama Tagawl (ডামা তাগল্) Retilíneo Faca
Mawng Mawng (Burmese) Gongo

EstrangeiraEditar

Na língua tanchangya, também era possível encontrar poucos vocabulários derivados do árabe, chinês, japonês, português, neerlandês, turco, persa, francês, inglês e hindi.

Tanchangya Outra língua Português
Awktaw (অক্ত) Owakta (Árabe) Time
Gawrba (গর্বা) Gorba (Árabe) Hóspede
Gamala/Gabala (গাবালা, গামালা) Gamela (Português) Gamela
Balti (বাল্তি) Balde (Português) Balde

SemelhançasEditar

Fora da tribo tanchangya, há uma crença comum de que não há diferença alguma entre a língua tanchangya e a língua chakma. Tal exemplo pode ser visto no artigo do Dr. Satyakam Phukan intitulado “Uma Análise das Raízes e Conexões Etno-Linguísticas do Povo Chakma e Tanchangya”. Segundo ele, a semelhança é muito comparada à diferença entre as palavras entre chakma e tanchangya.[4]

Tanchangya Chakma Português
Bitsyawl Bijawl Lisi
Pawd Jangal, pawt Estrada
Awna sawna Suli sawlaw Meio-cérebro
Dighawli Diri, bilawng Muito tempo

NotasEditar

  1. «In Search History of the Tanchangya Language». Tongchangya World. 1 julho de 2019. Consultado em 25 julho de 2019 
  2. Rupak-Debnath (2008): 167
  3. Roti Kanta Tanchangya (2000): 62-65
  4. «An Analysis of the Ethno-Linguistic Roots and Connections of the Chakma-Tanchangya People» (PDF). Dr Satyakam Phukan's Webpages. 1 julho de 2013. Consultado em 30 julho de 2019 

BibliografiaEditar

  • Debnath, Rupak (2008), Ethnographic Study of Tanchangya of CHT, CADC, South Tripura and Sittwe, Kolkata: Kreativmind 

Ligações externasEditar