La virgen que forjó una patria

filme de 1942 dirigido por Julio Bracho

La virgen que forjó una patria (bra: A Virgem Que Forjou uma Pátria;[1] usa: The Saint That Forged a Country[2]) é um filme mexicano de 1942 dirigido por Julio Bracho e estrelado por Ramón Novarro. Faz parte de um grupo de filmes históricos criados com subsídios do governo, depois que o México declarou guerra à Alemanha e seus aliados após o naufrágio de dois navios mercantes mexicanos por torpedos alemães.[3]

La virgen que forjó una patria
Ramón Novarro no filme.
No Brasil A Virgem Que Forjou uma Pátria
Nos Estados Unidos The Saint That Forged a Country
México
1942 •  p&b •  110 min 
Direção Julio Bracho
Produção Agustín J. Fink
Elenco Ramón Novarro
Domingo Soler
Gloria Marín
Julio Villarreal
Paco Fuentes
Felipe Montoya
Gênero ficção
Música Miguel Bernal Jiménez
Cinematografia Gabriel Figueroa
Som Jesüs González Gancy
Howard Randall
Edição Jorge Bustos
Companhia(s) produtora(s) Films Mundiales S.A
Estudios Casa
Lançamento 11 de dezembro de 1942 (México)
Idioma castelhano

EnredoEditar

Em setembro de 1810, Miguel Hidalgo, Ignacio Allende, Ignacio Aldama e a Corregidora reuniram-se na casa do prefeito de Querétaro, organizando a insurreição, que se precipitaria após a descoberta da conspiração. Hidalgo decide tomar como padrão a imagem da Virgem de Guadalupe, explicando a Allende a história da imagem de Guadalupe e sua relação com a história do território. A ação se move para 1528, a queda do México-Tenochtitlán e o processo de conquista, em que se destaca a evangelização realizada nos territórios recém-conquistados, mas também as dificuldades e desavenças que tiveram no início entre conquistadores e conquistadores. evangelizadores, sendo a religião o aspecto que prevalece como elemento unificador.

Poucos anos depois, em 1531, no Cerro del Tepeyac, a imagem da Virgem apareceu a um índio chamado Juan Diego, sendo um acontecimento marcante para a história da nação que nasceu com o Grito da Independência.

ElencoEditar

Referências

  1. «FILMES DA SEMANA» (PDF). Diario da Noite. Rio de Janeiro. 22 de março de 1948. p. 7. Consultado em 27 de fevereiro de 2022 
  2. «The Saint That Forged a Country (1942)» (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2022 
  3. Rodriguez, Clara E. (2008). Heroes, Lovers, and Others: The Story of Latinos in Hollywood (em inglês). [S.l.]: Oxford University Press 
  Este artigo sobre um filme mexicano é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.