Logóteta do pretório

O logóteta do pretório (em grego: λογοθέτης τοῦ πραιτωρίου; transl.: logothetes tou praitoriou) foi um oficial sênior, um dos principais assessores (junto com o símpono) do eparca de Constantinopla, a capital do Império Bizantino.[1] Evidência literária e sigilográfica deste ofício provém do final do século VII e começo do VIII até o século XI. Seu papel exato é incerto, mas, desde que o pretório foi um dos principais presídios da capital, suas funções eram provavelmente relacionada com deveres judiciais e policiais.[2][3]

Referências

  1. Bury 1911, p. 70.
  2. Bury 1911, p. 71.
  3. Kazhdan 1991, p. 1248.

BibliografiaEditar

  • Bury, John Bagnell (1911). The Imperial Administrative System of the Ninth Century - With a Revised Text of the Kletorologion of Philotheos. Londres: Oxford University Press 
  • Kazhdan, Alexander Petrovich (1991). The Oxford Dictionary of Byzantium. Nova Iorque e Oxford: Oxford University Press. ISBN 0-19-504652-8