Lourenço Mendes de Vasconcelos

Lourenço Mendes de Vasconcelos (c. 1400 - c. 1460), senhor da honra de Nomães, foi um fidalgo e magistrado português, Meirinho de Entre Lima e Minho no ano de 1456.

Lourenço Mendes (de Vasconcelos)
Senhor da honra de Nomães
Brasão de Armas da família Vasconcelos
Cônjuge D. Beatriz Pereira, filha do 2.º senhor de Águas Belas
Nascimento 1400
Morte 1460 (60 anos)
Ocupação Fidalgo, Magistrado
Pai João Mendes de Vasconcelos, senhor de Penela
Mãe ?

BiografiaEditar

Era filho bastardo de João Mendes de Vasconcelos, senhor de Penela e Soalhães[1],[2] tendo sucedido diretamente a seu avô paterno, Gonçalo Mendes de Vasconcelos, no senhorio da Honra de Nomães, em Ruivães, no julgado de Vermoim - a quem D. Fernando I a confirmara em 28.02.1374.

Foi também senhor do Padroado das Igrejas da mesma freguesia de Ruivães.[2]

Foi nomeado Meirinho de Entre Lima e Minho em 25.06.1456, em substituição de Vasco Fernandes, que morrera.[3]

Sucedeu ainda, muito provavelmente, a sua avó paterna - D. Teresa Rodrigues Ribeiro, 3.ª senhora do Morgado de Soalhães - na quintã e honra de Vila Maior, na freguesia com o mesmo nome, então situada no concelho de Vouzela (faz hoje parte do concelho de São Pedro do Sul).

A honra de Vila Maior já existia em 1288, quando as Inquirições relatam que ela havia pertencido a D. Maria Peres de Tavares (bisavó da referida D. Teresa Rodrigues Ribeiro) e a um seu irmão.[4] Esta honra e quintã seria depois herdada por Cristóvão Mendes de Carvalho, neto de Lourenço Mendes.[1]

Casamento e descendênciaEditar

Casou em 1442 com D. Beatriz Pereira, já viúva do seu primeiro marido[5], filha de D. Álvaro Pereira, 2.º senhor de Águas Belas, com D. Isabel da Cunha (filha de Martim Gonçalves do Carvalhal, tio materno do condestável D. Nuno Álvares Pereira).

Deste casamento teve a seguinte geração:

  • Inês Mendes (c. 1444 - c. 1495), que casou c. 1467 com Pedro da Costa, escudeiro fidalgo e cavaleiro da Casa de Bragança; com geração.[1]

Referências

  1. a b c d Soveral, Manuel Abranches de. «Cristóvão Mendes de Carvalho História de um alto magistrado quinhentista e de sua família». "Fragmenta Historica" - Revista do Centro de Estudos Históricos da Universidade Nova de Lisboa: 32 - 46. Consultado em 29 de agosto de 2021 
  2. a b «Biblioteca Nacional Digital Felgueiras Gaio Nobiliário de Famílias de Portugal Tomo XXVIII.». purl.pt. p. 112. Consultado em 29 de agosto de 2021 
  3. Manuel Abranches de Soveral, art. cit., p. 32.
  4. «BNP - Inquisitiones inquirições gerais de D. Diniz 1288 sentenças de 1290 e execuções de 1290 Vol. IV 2 ed. José Augusto de Sotto Mayor-Pizarro. 1ª ed. - Lisboa : Academia das Ciências de Lisboa, 2015». bibliografia.bnportugal.gov.pt. p. 597. Consultado em 30 de agosto de 2021 
  5. «Carta de confirmação de Carta de privilégio de D. Afonso V a Beatriz Pereira». digitarq.arquivos.pt. Consultado em 30 de agosto de 2021 

BibliografiaEditar