Luciano Bianciardi

escritor italiano

Luciano Bianciardi (Grosseto, 14 de dezembro de 1922Milão, 14 de novembro de 1971) foi um escritor italiano.

Luciano Bianciardi

ObrasEditar

Entre seus trabalhos, o mais popular é, sem dúvida, A vida agra, (La vita agra em italiano), sátira feroz e amargo do milagre econômico italiano dos anos sessenta.

  • I minatori della Maremma (Os mineiros de Maremma), 1956, com Carlo Cassola
  • Il lavoro culturale (O trabalho cultural), 1957
  • L'integrazione (A integração), 1960
  • Da Quarto a Torino (De Quarto a Turim), 1960
  • La vita agra (A vida agra), 1962
  • La battaglia soda (A batalha uphill), 1964
  • Daghela avanti un passo! (Força, um passo em frente!), 1969
  • Aprire il fuoco (Abrir fogo), 1969
  • Viaggio in Barberia (Viagem para Barbeiro), 1969
  • Garibaldi (Garibaldi), 1972
 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Luciano Bianciardi

Frases ConhecidasEditar

"A Política... há muito tempo deixou de ser ciência do bom Governo e, em vez disso, tornou-se arte da conquista e da conservação do poder".
- Fonte: "La Vita Agra".
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.