Abrir menu principal

MTV Video Music Awards de 1986

MTV Video Music Awards de 1986
Data 5 de setembro de 1986 (1986-09-05)
Apresentação Downtown Julie Brown
Mark Goodman
Alan Hunter
Martha Quinn
Dweezil Zappa
Local Anfiteatro da Universal, Los Angeles
País  Estados Unidos
Cobertura televisiva
Estação MTV
1985
1987

A cerimônia dos MTV Video Music Awards de 1986 foi transmitida ao vivo em 5 de Setembro de 1986, tendo premiado os melhores videoclipes lançados entre 2 de Maio de 1985 e 1 de Maio de 1986. O programa foi apresentado pelos VJs da MTV Downtown Julie Brown, Mark Goodman, Alan Hunter, Martha Quinn e Dweezil Zappa, e teve lugar no edifício The Palladium, em Nova Iorque, e no Anfiteatro Gibson, em Los Angeles. No entanto, outras partes do programa tiveram lugar em várias outras cidades, como Londres, Miami e New Haven, no Connecticut.

Os grandes vencedores da noite, foram os noruegueses do a-ha, que levaram oito dos onze prêmios que concorriam. O clipe de "Take on Me" levou seis dos oito prêmios que disputava, incluindo o da "escolha da audiência", enquanto "The Sun Always Shines on T.V." levou dois dos três indicados.

NomeaçõesEditar

Os vencedores aparecem a negrito.

Videoclipe do AnoEditar

Melhor Videoclipe MasculinoEditar

Melhor Videoclipe FemininoEditar

Melhor Videoclipe de GrupoEditar

Melhor Novo Artista num VideoclipeEditar

Melhor Conceito num VideoclipeEditar

Videoclipe Mais ExperimentalEditar

Melhor Atuação de Palco num VideoclipeEditar

Melhor Atuação Geral num VideoclipeEditar

Melhor DireçãoEditar

  • a-ha — "Take on Me" (Diretor: Steven Barron)
  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Diretor: Daniel Kleinman)
  • Dire Straits — "Money for Nothing" (Diretor: Steven Barron)
  • X — "Burning House of Love" (Diretor: Daniel Kleinman)
  • ZZ Top — "Rough Boy" (Diretor: Steven Barron)

Melhor CoreografiaEditar

  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Coreógrafo: Russell Clark)
  • Morris Day — "The Oak Tree" (Coreógrafos: Russell Clark e Morris Day)
  • Madonna — "Dress You Up" (Coreógrafo: Brad Jefferies)
  • Madonna — "Like a Virgin (ao vivo)" (Coreógrafo: Brad Jefferies)
  • Prince and The Revolution — "Raspberry Beret" (Coreógrafo: Prince)

Melhores Efeitos EspeciaisEditar

  • a-ha — "Take on Me" (Efeitos Especiais: Michael Patterson e Candace Reckinger)
  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Efeitos Especiais: Daniel Kleinman e Richard Uber)
  • Dire Straits — "Money for Nothing" (Efeitos Especiais: Ian Pearson)
  • X — "Burning House of Love" (Efeitos Especiais: Daniel Kleinman)
  • ZZ Top — "Rough Boy" (Efeitos Especiais: Max Anderson e Chris Nibley)

Melhor Direção de ArteEditar

  • a-ha — "The Sun Always Shines on T.V." (Diretor de Arte: Stefan Roman)
  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Diretor de Arte:

Daniel Kleinman)

  • Dire Straits — "Money for Nothing" (Diretor de Arte: Steven Barron)
  • Honeymoon Suite — "Feel It Again" (Diretor de Arte: David Brockhurst)
  • ZZ Top — "Rough Boy" (Diretor de Arte: Ron Cobb)

Melhor EdiçãoEditar

  • a-ha — "The Sun Always Shines on T.V." (Editor: David Yardley)
  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Editor: Richard Uber)
  • Dire Straits — "Money for Nothing" (Editor: David Yardley)
  • X — "Burning House of Love" (Editor: Dan Blevins)
  • ZZ Top — "Rough Boy" (Editor: Richard Uber)

Melhor CinematografiaEditar

  • a-ha — "The Sun Always Shines on T.V." (Diretor de Fotografia: Oliver Stapleton)
  • Pat Benatar — "Sex as a Weapon" (Diretor de Fotografia: Peter Mackay)
  • Joe Walsh — "The Confessor" (Diretor de Fotografia: Jan Keisser)
  • X — "Burning House of Love" (Diretor de Fotografia: Ken Barrows)
  • ZZ Top — "Rough Boy" (Diretor de Fotografia: Chris Nibley)

Escolha dos EspectadoresEditar

Prêmio Vídeo VanguardaEditar

Prêmio Reconheciemnto EspecialEditar

AtuaçõesEditar

Ligações externasEditar