Abrir menu principal

Magnus Hedman

futebolista sueco

Magnus Carl Hedman (Huddinge, 19 de março de 1973) é um ex-futebolista sueco que jogava como goleiro.

Magnus Hedman
Magnus Hedman
Informações pessoais
Nome completo Magnus Carl Hedman
Data de nasc. 19 de março de 1973 (46 anos)
Local de nasc. Huddinge,  Suécia
Altura 1,96 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Goleiro
Clubes de juventude
1983–1987
1987–1990
Suécia IFK Estocolmo
Suécia AIK
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1990–1997
1997–2002
2002-2005
2004
2006
2006–2007
2013
Suécia AIK
Inglaterra Coventry City
Escócia Celtic
Itália Ancona (Vindo de Empréstimo)
Suécia AIK
Inglaterra Chelsea
Suécia Frej
127 (0)
134 (0)
26 (0)
3 (0)
0 (0)
0 (0)
1 (0)
Seleção nacional
1992–1995
1997–2004
Flag of Sweden.svg Suécia sub-21
Flag of Sweden.svg Suécia
28 (0)
58 (0)

Carreira por clubesEditar

Tendo passado pelas categorias de base de IFK Estocolmo e AIK, Hedman se profissionalizou em 1990, com apenas 17 anos. Foi pelos Gnaget que ele conquistou quatro dos seus sete títulos na carreira. As atuações pelo AIK renderam uma transferência para o Coventry City, que ainda militava na Premier League inglesa.

Inicialmente contratado como reserva de Steve Ogrizovic, tomou a titularidade do veterano a partir de 1998, mantendo-se com este status até 2002, quando foi para o Celtic, onde continuava como titular.

Ainda teve uma frustrada passagem por empréstimo no Ancona, onde jogou em apenas três oportunidades, antes de regressar ao Celtic (não mais como titular).[1] Hedman teve ainda um breve retorno ao AIK em 2006, mas serviu apenas para compor elenco, já que não disputou nenhum jogo, se aposentando pouco depois.

Em novembro de 2006, Hedman recebeu uma proposta do Newcastle United para voltar a jogar, mas o goleiro recusou, alegando que a proposta não era boa. O Newcastle ainda negou o interesse para tirar o sueco da aposentadoria.[2] No mesmo mês, o Chelsea abordou Hedman para ser o quarto goleiro, já que dois dos quatro jogadores da posição estavam fora de combate (Henrique Hilário estava machucado e Yves Makabu-Makalambay ainda era considerado imaturo demais para atuar), e o sueco recebeu a camisa 22, usada por Eidur Gudjohnsen antes do islandês assinar com o Barcelona.

Depois de deixar o Chelsea, Hedman ficou o resto do ano de 2007 sem atuar. No ano seguinte, recebeu sondagem do Manchester City para suprir a ausência de Joe Hart, que estava machucado; em janeiro de 2009, ainda com planos de voltar a jogar em alto nível, treinou no Tottenham para atuar no final da temporada, mas as negociações não lograram sucesso, e Hedman resolveu encerrar novamente sua carreira, aos 36 anos de idade. Posteriormente, viria a trabalhar na comissão técnica do Weymouth para treinar os goleiros da agremiação.[3]

Desde 2013, Hedman é treinador de goleiros do Frej, clube da terceira divisão sueca. Em junho do mesmo ano, voltou a disputar uma partida oficial, contra o Selånger. O jogo terminou com vitória do Frej por 3 a 1.

SeleçãoEditar

Apesar de ter feito sua estreia oficial pela Suécia em 1997, contra a Romênia, Hedman, que ainda representava a equipe sub-21 desde 1992, fora agraciado com a convocação para a Copa de 1994, para ser terceiro goleiro da equipe. Não jogou nenhuma partida na Copa, mas ganhou experiência no torneio, sendo considerado o sucessor de Thomas Ravelli no gol sueco.

A Suécia acabou não obtendo a vaga para a Copa de 1998, mas Hedman teve sua primeira chance como titular em um torneio oficial na Eurocopa de 2000, mas a equipe acabaria capitulando na primeira fase. Na Copa de 2002, Hedman continuou sendo titular, mas a Suécia parou nas oitavas-de-final, após derrota para o Senegal na prorrogação.

Depois da participação sueca na competição, Hedman, que foi reserva de Andreas Isaksson, anunciou sua despedida da equipe. Foram 58 partidas pela seleção principal, além de 28 jogos na categoria sub-21.[4]

Referências

  1. Magnus Hedman: Mina lagkamrater var mutade Arquivado em 26 de abril de 2006, no Wayback Machine., Aftonbladet, 11 de setembro de 2004 (em sueco)
  2. Tuesday's football gossip, BBC, 26 de setembro de 2006
  3. «HEDMAN CLAIMS CITY APPROACH». Sporting Life. Consultado em 22 de novembro de 2008 
  4. «Elenco SWE'00». Consultado em 20 de janeiro de 2017 [ligação inativa]