Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cordilheira do Himalaia.

Mahalangur Himal (em nepali: महालङ्गूर हिमाल)é uma subcordilheira do Himalaia que se estende ao longo da fronteira entre Tibete e Nepal e que se estende a leste do passo de montanha Nangpa La entre Rolwaling Himal e o Cho Oyu, até ao rio Arun.[1] Contém quatro das montanhas com mais de oito mil metros de altitude: Monte Everest, Lhotse, Makalu e Cho Oyu, bem como outros cumes importantes. Pode assim considerar-se a mais alta cordilheira da Terra. No lado tibetano é principalmente drenada pelo Glaciar Rongbuk e pelo Glaciar Kangshung. No lado nepalês encontram-se o Glaciar Ngojumba, o Glaciar Khumbu, e o Glaciar Barun, entre outros.

A região de Khumbu é a mais conhecida parte da cordilheira, em parte porque é o acesso pelo colo sul ao Monte Everest.

Referências

  1. H. Adams Carter (1985). «Classification of the Himalaya» (PDF). American Alpine Club. American Alpine Journal. 27 (59): 116–120. Consultado em 1 de maio de 2011