Mar de Barents

Mar do Oceano Ártico, nas costas ao norte de Noruega e Rússia.
Mar de Barents

(ru) Баренцево мореVisualizar e editar dados no Wikidata

Баренцево море.JPG

Localização do mar de Barents.

Localização
Endereço
Q159 e Q20
Parte de
Coordenadas
Dimensões
Superfície
175 000 km2Visualizar e editar dados no Wikidata
Profundidade média
600 mVisualizar e editar dados no Wikidata
Hidrografia
Tipo
Países da
bacia hidrográfica
História
Origem do nome

O mar de Barents (norueguês: Barentshavet, russo: Баренцево море) é parte do Oceano Glacial Árctico e situa-se a norte da Noruega e da Rússia. Recebeu o nome do navegador neerlandês Willem Barentsz. Tem uma profundidade média de 230 m. [1]

Os portos de Murmansk, na Rússia, e de Vardø, na Noruega, permanecem livres de gelo ao longo de todo o ano, devido à acção da corrente do Atlântico Norte, uma corrente quente ligada à corrente do Golfo. Os maiores arquipélagos do mar de Barents são os da Nova Zembla (Rússia) e de Svalbard (Noruega).

Antes da Guerra de Inverno, o território da Finlândia também atingia o mar de Barents, e o porto de Petsamo (atual Pechengsky, Rússia) era o único porto finlandês livre de gelo no inverno.

A contaminação nuclear de despejos de reactores navais russos é um problema ambiental sério no mar de Barents.

O mar de Barents é centro de extracção de petróleo desde a década de 1970, tanto na parte norueguesa como na russa.

Referências

  1. «Mar de Barents». Infopédia. Consultado em 22 de julho de 2020