Marilyn (filme de 1953)

Marilyn (lançado nos Estados Unidos como Roadhouse Girl) é um filme noir britânico de 1953,[3] dirigido por Wolf Rilla,[3] e estrelado por Sandra Dorne e Maxwell Reed.

Marilyn
 Reino Unido
1953 •  pb •  70 min 
Direção Wolf Rilla
Produção Ernest G. Roy
Roteiro Wolf Rilla
Baseado em Marion, de Peter Jones[1]
Elenco Sandra Dorne
Maxwell Reed
Gênero film noir
Música Wilfred Burns
Cinematografia Geoffrey Faithfull
Edição Peter Seabourne
Companhia(s) produtora(s) Nettlefold Studios[2]
Distribuição Butcher's Film Service ((UK)
Astor Pictures (EUA)
Lançamento Reino Unido 1953
Estados Unidos agosto de 1955
Idioma inglês

EnredoEditar

O assanhado mecânico Tom Price (Reed) cobiça a sedutora Marilyn (Dorne), a jovem esposa do mal-humorado dono de mecânica George Saunders (Dwyer). Supondo que Marilyn anda se divertindo com seu empregado, Saunders começa a socá-lo para fora do local. Defendendo-se, Tom acidentalmente mata seu patrão. Marilyn o ajuda a encobrir o crime, e juntos os dois fogem para começar uma nova vida. Vários meses depois, o casal é dono de uma estalagem, o que mal dá para pagar as contas. O rico Nicky Everton (Mayne) concorda em emprestar ao casal algum dinheiro, achando que Marilyn vai oferecer suas afeições como pagamento. No meio disso tudo, Rosie - a empregada de Marilyn - mantém segredo sobre o assassinato, até ser subestimada demais por sua egocêntrica chefe.

ElencoEditar

Referências

  1. «Credits: Marilyn - Based on the play 'Marion' by» (em inglês). bfi.org.uk. Consultado em 13 de junho de 2014 
  2. «Credits: Marilyn - Production Company» (em inglês). bfi.org.uk. Consultado em 13 de junho de 2014 
  3. a b «ROADHOUSE GIRL(1953): Additional Details - Release Date» (em inglês). TCM. Consultado em 13 de junho de 2014 
  Este artigo sobre um filme britânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.