Mediterranean Conference Centre

O Mediterranean Conference Centre (MCC) é um centro de conferências em Valletta, Malta. O edifício foi construído no século XVI pela Ordem de Malta como um hospital, sendo conhecido como Sacra Infermeria ou Holy Infirmary. Foi um dos principais hospitais na Europa até o século XVIII, e permaneceu em uso até 1920.[1] O edifício é agora utilizado para banquetes, exposições, convenções internacionais e espetáculos teatrais. Seu auditório tem uma capacidade de cerca de 1.500 lugares.

Vista parcial da Sacra Infermeria em La Valette

HistóriaEditar

A construção da Sacra Infermeria foi iniciada no dia 07 de novembro de 1574 por ordem do Grão-Mestre Jean de la Cassiere, depois de uma assembleia da Ordem, para substituir a existentes em Birgu. A construção foi terminada no final do século. O arquiteto não é conhecido,[2] mas é geralmente atribuída a Gerolamo Cassar.[3]

Foi concebida para receber pacientes de Malta e estrangeiros, bem como para oferecer hospedagem aos peregrinos que viajam para a Terra Santa. Ele também tinha duas farmácias. Em 1596, uma extensão foi construída para acomodar os pacientes que sofriam de doenças contagiosas.

O edifício está listado no National Inventory of the Cultural Property of the Maltese Islands como patrimônio histórico.[1]

Referências

  1. a b «Sacra Infermeria» (PDF). National Inventory of the Cultural Property of the Maltese Islands. 28 de dezembro de 2012. Consultado em 14 de dezembro de 2015 
  2. «The Maltese Architect Gerolamo Cassar». Malta Architecture. Cópia arquivada em 9 de julho de 2015 
  3. Schiavone, Michael J. (2009). Dictionary of Maltese Biographies Vol. 1 A-F. Pietà: Pubblikazzjonijiet Indipendenza. pp. 520–521. ISBN 9789993291329 

BibliografiaEditar

  • Paul Cassar - The Holy Infirmary of Knights of St. John - Ed. The Mediterranean Conference Centre (2005), isbn=9789999075398