Nhanderu

(Redirecionado de Nhanderu (mitologia))

Ñande Ru Tenondé (nosso primeiro pai), "Nhanderu" ou "Ianderu" é considerado o ser criador na mitologia tupi-guarani. Na cosmogonia da obra Ayvú rapyta é descrito primeiramente como colibri[1] e posteriormente com aspectos antropomórficos (não sendo, porém, restrito a estes) e portando figuras próprias da simbologia guarani, como o cetro (Yvyra'i), o cocar, entre outros.[2]

No princípio, "em meio aos ventos originários" e pelo reflexo de sua própria sabedoria, Nhanderu originou-se; e após estabelecer os fundamentos da criação e cada um de seus aspectos, gerou também às outras divindades criadoras: Jakaíra, Karaí, Tupã e Nhamandu, dentre os quais este último prevaleceu, sendo o responsável por criar os demais seres. [1][2]

ReferênciasEditar

  1. a b Jecupé, Kaká Werá (2001). Tupã tenondé. A criação do Universo, da Terra e do Homem segundo a tradição oral Guarani. São Paulo: Peirópolis. ISBN 85-85663-51-0 
  2. a b Cadogan, León (1959). «Ayvu Rapyta: Textos míticos de los Mbyá-Guaraní del Guairá». USP. Boletim da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de S. Paulo. 5 (227)