Abrir menu principal


Como ler uma infocaixa de taxonomiaLótus-azul
Nymphaea nouchali 7.jpg
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Nymphaeales
Família: Nymphaeaceae
Género: Nymphaea
Espécie: N. nouchali
Nome binomial
Nymphaea nouchali

Nymphaea nouchali, normalmente conhecida pela sua sinonímia Nymphaea stellata, ou pelo nome comum de lótus-azul,[1] lótus-estrela, lírio-vermelho-e-azul ou lírio-estrela-azul é um lírio aquático do gênero Nymphaea. É nativa do sul e leste da Ásia, e é a flor nacional do Sri Lanka e Bangladesh. Esta espécie é por vezes considerada como incluindo o lótus egípcio Nymphaea caerulea.[2] No passado, ocorreu confusão taxonômica, com o nome Nymphaea nouchali incorretamente aplicado a Nymphaea pubescens .[3]

Distribuição e habitatEditar

 
A flor azul de Nymphaea nouchali
 
N. nouchali de cor fúcsia em Hyderabad

Esta planta aquática é nativa de uma ampla região do Afeganistão, do subcontinente indiano, Taiwan, sudeste da Ásia e Austrália.[1] Foi há muito tempo valorizado como uma flor de jardim na Tailândia e em Myanmar para decorar lagoas e jardins. Em seu estado natural, N. nouchali é encontrada em habitats aquáticos estáticos ou de fluxo lento de baixa a moderada profundidade.

DescriçãoEditar

 
Lótus-azul em Thiruvananthapuram

N. nouchali é uma planta não-vivípara com raízes e caules submersos. Parte das folhas está submersa, enquanto outras se elevam ligeiramente acima da superfície. As folhas são redondas e verdes no topo; eles geralmente têm um lado inferior mais escuro. As folhas flutuantes têm bordas ondulantes que lhes dão uma aparência crenelada. Seu tamanho é de cerca de 20-23 cm e sua propagação é de 0,9 a 1,8 m.

Este lírio de água tem uma flor bonita que geralmente é de cor azul violeta com bordas avermelhadas. Algumas variedades têm flores brancas, roxas, cor de malva ou fúcsia, daí seu nome lírio vermelho e azul. A flor tem quatro ou cinco sépalas e 13-15 pétalas que têm uma aparência angular, fazendo a flor parecer em forma de estrela de cima. O cálice em forma de taça tem um diâmetro de 11–14 cm.

SimbolismoEditar

Foi também a flor nacional do ex-estado de Hyderabad. N. nouchali é a flor nacional do Bangladesh.[4] Uma N. nouchali de flor azul pálida é a flor nacional do Sri Lanka, onde é conhecida como "nil mānel" ou "nil mahanel" (නිල් මානෙල්).[5]

No Sri Lanka, esta planta geralmente cresce em lagoas de búfalos e zonas úmidas naturais. Sua bela flor aquática foi mencionada em obras literárias em sânscrito, páli e cingalês desde os tempos antigos sob os nomes "kuvalaya", "indhīwara", "niluppala", "nilothpala" e "nilupul" como um símbolo de virtude, disciplina e pureza. A tradição budista no Sri Lanka afirma que esta flor foi um dos 108 sinais auspiciosos encontrados na pegada do príncipe Siddhartha.[6] Dizem que quando Buda morreu, as flores de lótus floresceram em todos os lugares que ele andou durante a sua vida.

A estilista Claire W. Keller incluiu a planta para representar o Sri Lanka no véu de casamento de Meghan Markle, que incluía a flora característica de cada país da Commonwealth.[7]

N. nouchali pode ter sido uma das plantas comidas pelos Lotophagi da Odisséia de Homero.

UsoEditar

N. nouchali é usada como planta ornamental por causa de suas flores espetaculares, e é mais comumente usada para os festivais tradicionais e culturais no Sri Lanka. Também é popular como uma planta de aquário sob o nome de "lírio-anão" ou "lírio-vermelho-anão".

É considerada uma planta medicinal na medicina ayurvédica indiana sob o nome "ambal"; foi usado principalmente para tratar a indigestão.[8]

Como todos os lírios aquáticos, nenúfares ou lótus, seus tubérculos e rizomas podem ser usados ​​como alimentos; eles são comidos geralmente cozidos ou assados. No caso da N. nouchali, suas folhas tenras e pedúnculos de flores também são valorizados como alimento.[9] A planta seca é coletada de tanques e pântanos durante a estação seca e usada na Índia como forragem animal.[10]

Veja tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. a b «Nymphaea nouchali». Agricultural Research Service (ARS), United States Department of Agriculture (USDA). Germplasm Resources Information Network (GRIN). Consultado em 20 abril 2015 
  2. The Plant List: A Working List of All Plant Species, consultado em 20 de abril de 2015 
  3. Dezhi Fu; John H. Wiersema & Donald Padgett, Flora of China online, 6, consultado em 20 de abril de 2015 
  4. Constitution Of The People's Republic Of Bangladesh Arquivado em 2013-09-22 no Wayback Machine.
  5. Hettiarachchi, Kumudini (7 de novembro de 2010). «The Great Pretender». The Sunday Times, Sri Lanka. Consultado em 24 de junho de 2013 
  6. TokyoNet - National Statistics
  7. https://www.royal.uk/wedding-dress-bridesmaids%E2%80%99-dresses-and-page-boys-uniforms
  8. P. V. Sharma, Puṣpāyurvedaḥ - Pradhāna vitaraka Caukhambhā Bhāratī Akādamī, 1998
  9. FR Irvine, RS Trickett - Water lilies as Food - Kew Bulletin, 1953
  10. A Banerjee, S Matai - Composition of Indian aquatic plants in relation to utilization as animal forage - Journal of Aquatic plant management, 1990

Links ExternosEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Nymphaea nouchali