Odes Modernas
Autor(es) Antero de Quental
Idioma português
País Portugal Portugal
Gênero Poesia
Editora Imprensa da Universidade de Coimbra
Formato 22 cm
Lançamento 1865
Páginas 160

Odes Modernas é um livro de poesias escrito por Antero de Quental e publicado em 1865.[1]

Esta obra, juntamente com o livro "A Dignidade das Letras e as Literaturas Oficiais" publicado no mesmo ano, estiveram implicados na Questão Coimbrã com António Feliciano de Castilho.[2][3]

Em 1875, Antero publica a segunda edição de Odes Modernas, que mais tarde veio a ser traduzido para a língua francesa com o título "Tourment de l'idéal".[4]

Referências

Ligações externasEditar

BibliografiaEditar

  Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.