Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde Novembro de 2010). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Bandeira de Ogaden.
Mapa da Etiópia, destacando a região somali.

Ogaden (em somali Ogaadeen) é uma parte da região somali da Etiópia. Por vezes tem sido chamada de "Somalilândia abissínia" ou "Somalilândia etíope" e os locais chamam-lhe Ogadênia (em somali Ogaadeeniya).

Na região a população é de sua maioria somali e muçulmana. É considerado para o povo somali que habita essa região, como a parte oeste da Somália. A região, que tem cerca de 200 000 quilômetros quadrados, faz fronteira com Djibuti, Quênia e Somália,[1] as cidades mais importantes são Jijiga, Degehabur, Gode, Kebri Dahar, Fiq, Shilavo, Kelafo, Werder e Danan. A região tem clima predominante de semi-árido com elevação de 1000 metros até 1600.

Índice

HistoriaEditar

Na sua história mais contemporânea, Ogaden foi anexada durante a ocupação italiana na região. Durante o final dos anos 1970, ocorreu a Guerra de Ogaden (1977 até 1978) onde houve a disputa da região pela Somália e Etiópia, cada nação sendo subsidiadas pelas superpotências União Soviética e Estados Unidos, respectivamente.

No final da guerra, Etiópia consegui anexar a região, mas até hoje existem focos de resistência somalis na região, clamando anexação ao território da Somália.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Gebru Tareke, "The Ethiopia-Somalia War of 1977 Revisited," in Board of Trustees, Boston University, The International Journal of African Historical Studies. Boston University African Studies Center, 2000, p. 636.

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ogaden
  Este artigo sobre Geografia da Etiópia, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.