Abrir menu principal

Wikipédia β

Ordem de Santo Olavo

A Real Ordem Norueguesa de Santo Olavo (em norueguês: Den Kongelige Norske St. Olavs Orden) é a mais alta ordem de cavalaria da Noruega, estabelecida por Óscar I em 21 de agosto de 1847. Foi assim batizada em homenagem a Olavo II, que passou à posteridade como Santo Olavo. Durante mais de 80 anos, permaneceu como única condecoração real no país após a dissolução da Ordem do Leão da Noruega, que estava vinculada à união com a Suécia.

Ordem de Santo Olavo
Cruz da Ordem de Santo Olavo.
Classificação
País  Noruega
Outorgante Rei da Noruega
(Haroldo V)
Tipo Cavalaria
Descritivo "Por serviços destacados em nome da Noruega e da humanidade."
Agraciamento Militares e civis
Chefes de Estado (estrangeiros)
Condição Em uso
Histórico
Criação 21 de agosto de 1847
Primeira concessão 1847
Última concessão 2013
Hierarquia
Inferior a Nenhuma
Superior a Ordem do Mérito Real

A Ordem de Santo Olavo é dedicada aos indivíduos de grandes feitos em favor da Noruega e/ou da humanidade em geral. Desde 1985, é conferida a cidadãos noruegueses, bem como a chefes de Estados estrangeiros em sinal de amizade para com o povo norueguês. Em sua maioria, os estrangeiros agraciados com esta ordem têm sido os membros de demais realezas. Os agraciados são selecionados pelo Rei, o grão-mestre, com a aprovação de um conselho.

ClassesEditar

A ordem é dividida em cinco classes e podem integrá-la civis ou militares noruegueses. A primeira classe pode receber tanto o colar quanto a grã-cruz, sendo que esta última é concedida por "esforços especiais ao país". As classes são:

  • Grã-cruz (chefes de Estado em sinal de respeito e significância para o povo norueguês);
  • Comendador com Estrela;
  • Comendador;
  • Cavaleiro de 1.ª Classe;
  • Cavaleiro.

Ver tambémEditar

  Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.