Abrir menu principal

Wikipédia β

Paço dos Condes de Barcelos

Paço dos condes de Barcelos, Portugal.

O Paço dos Condes de Barcelos, também referido como Paço dos Duques de Bragança, localiza-se na freguesia de Barcelos, cidade e concelho de mesmo nome, distrito de Braga, em Portugal.

HistóriaEditar

Foi erguido na primeira metade do século XV por iniciativa de Afonso I, Duque de Bragança, constituindo-se em um castelo apalaçado. Constituiu-se na edificação mais rica de Barcelos à época em que foi construído.

A decadência deste Paço iniciou-se em finais do século XVIII.

Nas ruínas hoje, já não é visível a primitiva torre, que se situava entre a Ponte de Barcelos e as quatro primitivas chaminés. Ela terá sido bastante danificada quando do terramoto de 1755, vindo a ruir definitivamente em 1801. Em 1872, diante do estado ruinoso do edifício, o município de Barcelos, determinou demolir o que restava. Essa demolição jamais chegou a concretizar-se na totalidade, devido a diversos protestos populares. O que nos restou - pouco mais do que algumas paredes e uma chaminé tubular -, não consegue dar-nos ideia da sua grandeza original

Encontra-se classificado como Monumento Nacional por decreto de 16 de junho de 1910, publicado no DG nº 136, de 23 de junho de 1910.

No início do século XX, as suas ruínas passaram a albergar o Museu Arqueológico de Barcelos.

CaracterísticasEditar

Erguido em estilo gótico, apresentava planta retangular com as dimensões de cerca de 32 metros por 16 metros. Nele se destacavam quatro chaminés de grande altura.

Ver tambémEditar