Abrir menu principal
Pablito Calvo
Nascimento 16 de março de 1948
Madri
Morte 1 de fevereiro de 2000 (51 anos)
Alicante
Cidadania Espanha
Ocupação ator

Pablo Calvo Hidalgo, mais conhecido por Pablito Calvo, (Madrid, 16 de março de 1948Alicante, 1 de fevereiro de 2000) foi um ator infantil e posteriormente um engenheiro industrial espanhol.[1]

BiografiaEditar

Aos oito anos de idade, Pablito Calvo, como ficou mundialmente conhecido, torna-se uma das figuras mais importantes do cinema espanhol por sua atuação em Marcelino Pão e Vinho (1955) um marco na cinematografia melodramática da Europa, que se manteve até a década de 1970.

Pablo chegou ao cinema através de um concurso feito pelo Estudio Chamartín, para a escolha de uma criança que pudesse interpretar o menino Marcelino, da história de José María Sánchez Silva. Sua avó o levou para a realização das provas, onde acabou conquistando o papel.

O afastamento do mundo do cinema fez com que a biografia de Pablo Calvo se mantivesse em padrões normais do homem mediano, por isso não se encontra muito sobre a sua pessoa.

A película Marcelino - Pan y Vino (gravada em 1954), fez de Pablo Calvo uma criança conhecida por todo o mundo. Em 1955, ano da premier, recebeu menção honrosa em Cannes.

Pablo Calvo ainda atuou em outros dois filmes com o diretor Ladislao Vajda; e cinco com outros diretores. Mas nenhum teve o destaque que Marcelino - Pão e Vinho obteve.

Morreu aos 51 anos devido a um derrame cerebral.

FilmografiaEditar

  • Marcelino pan y vino (Marcelino Pão e Vinho) (1955)
  • Mi tío Jacinto (1956)
  • Un ángel se paseó por Brooklyn] (1957)
  • Totò e Marcellino (1958)
  • Juanito (1960)
  • Alerta en el cielo (1961)
  • Dos años de vacaciones (1962)
  • Barcos de papel (1963)

Ver tambémEditar

Referências

  1. Folha (2 de fevereiro de 2000). «Pablito Calvo morre aos 54 anos vítima de derrame». Consultado em 14 de junho de 2013 

Ligações externasEditar