Abrir menu principal

Pablo Stoll

diretor de cinema e roteirista uruguaio
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde março de 2012). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Pablo Stoll
Nome completo Pablo Guillermo Stoll Ward
Nascimento 13 de outubro de 1974 (44 anos)
Montevidéu, Uruguai
Nacionalidade uruguaio
Ocupação Cineasta
Principais trabalhos 25 Watts
Whisky

Pablo Guillermo Stoll Ward, mais conhecido como Pablo Stoll (Montevidéu (Uruguai), 13 de Outubro de 1974) é um cineasta uruguaio. Co-diretor com Juan Pablo Rebella dos longas-metragens 25 Watts e Whisky, vencedores de inúmeros prêmios cinematográficos internacionais.

BiografiaEditar

Estudou o curso de Comunicação Social na Universidade Católica do Uruguai, onde conheceu Juan Pablo Rebella. Formaram-se em 1999 e desde então trabalharam juntos. Inicialmente fez vários curtas-metragens como Buenos y Santos (Bons e Santos) e Víctor y los elegidos (Vítor e os eleitos) sempre trabalhando com Juan Pablo Rebella e com o produtor Fernando Epstein, que também era seu amigo. Os três fundaram a produtora Control Z, e em 2001 lançou seu primeiro longa-metragem, 25 Watts, que obteve grande aceitação do público e da crítica, além de receber várias premiações internacionais. Em 2004 lançaram o que se tornaria seu segundo filme, Whisky, que também obteve várias premiações internacionais.[1] Em 2009 estreou Hiroshima, seu primeiro longa-metragem após a morte de Juan Pablo Rebella, ocorrida em 2006.

Referências

  1. (em castelhano) «Cuando decir es poco». 7 de julho de 2006. Consultado em 30 de março de 2012 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um cineasta é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.