Palm Springs (filme)

Palm Springs é um filme de comédia romântica e ficção científica estadunidense de 2020 dirigido por Max Barbakow e escrito por Andy Siara. É estrelado por Andy Samberg, Cristin Milioti, Peter Gallagher e J. K. Simmons. Conta a história de dois estranhos que se conheceram em um casamento em Palm Springs porém, quando decidem ter um tempo juntos, são atacados por um homem misterioso. Ao acordar, descobrem que estão revivendo o mesmo dia.[3]

Palm Springs
 Estados Unidos
2020 •  cor •  90 min 
Direção Max Barbakow
Produção
Roteiro Andy Siara
Baseado em Andy Siara
Max Barbakow[1]
Elenco
Gênero comédia romântica
ficção científica
Música Matthew Compton
Cinematografia Quyen Tran
Edição
  • Andrew Dickler
  • Matthew Friedman
Companhia(s) produtora(s)
Distribuição
Lançamento
  • 26 de janeiro de 2020 (Sundance)
  • 10 de julho de 2020 (Estados Unidos)
Idioma inglês
Orçamento U$$5 milhões
Receita U$765,535[2]

O filme estreou no Festival de Cinema de Sundance em 26 de janeiro de 2020[4], e foi lançado nos cinemas pela Neon e via streaming no Hulu em 10 de julho de 2020. Recebeu críticas positivas, com elogios pelas performances e uso do conceito.[5]

ElencoEditar

EnredoEditar

No dia 9 de novembro, em Palm Springs, Nyles acorda ao lado de sua infiel namorada Misty. Naquela noite, Nyles e Sarah se conhecem na festa de casamento de Tala, irmã de Sarah, e seu noivo Abe. Eles, então, saem da festa para transar no deserto próximo dali. Enquanto tira a roupa, Nyles é atingido por uma flecha, disparada por um agressor misterioso. Ferido, ele se arrasta para dentro de uma caverna, alertando Sarah para não segui-lo. Preocupada com Nyles, Sarah o segue e é sugada por um portal.

Em seguida, Sarah acorda e se dá conta de que é dia 9 de novembro novamente. Ela questiona Nyles, que a explica que, ao segui-lo para dentro da caverna, ela ficou presa em um loop temporal com ele; o ciclo é reiniciado ao dormir ou morrer, repetindo o 9 de novembro. Sarah então tenta escapar do loop de várias maneiras, mas não consegue. Nyles, estando há muito tempo no loop, já se conformou e deixou de se preocupar, abandonando as esperanças de fuga.

Nyles e Sarah se tornam amigos íntimos, e Sarah adota o estilo de vida despreocupado e inconsequente de Nyles. Os dois começam a buscar ansiosamente por suas próximas aventuras juntos. Nyles revela que o homem que atirou nele, Roy, também veio da noite de casamento, e que inadvertidamente o prendeu no loop temporal. Como vingança, Roy às vezes o caça para torturá-lo ou matá-lo.

Em certa noite, Nyles e Sarah acampam no deserto, ficam drogados e fazem sexo. No dia seguinte, Sarah dorme até tarde e é acordada por Abe, com quem ela dormiu no dia 8 de novembro, noite anterior ao casamento. Com peso na consciência, ela se recusa a falar com Nyles sobre a noite anterior, com uma postura niilista sobre suas vidas no loop. Após ser parada por Roy disfarçado de policial, Sarah o atropela. Ela e Nyles discutem, o que o leva a admitir que dormiu com ela muitas vezes, algo sobre o qual ele antes havia mentido. Sarah, furiosa, começa então a evitar Nyles.

Nyles se sente desorientado sem Sarah e passa vários dias deprimido e sem rumo, descobrindo o caso de Abe e Sarah no processo. Um dia, ele visita Roy em sua casa em Irvine e eles fazem as pazes. Enquanto isso, Sarah, determinada a escapar do loop temporal, passa seus dias estudando em uma lanchonete para se tornar especialista em física quântica e relatividade geral. Após alguns testes, ela prevê que explodir a si mesma na caverna vá interromper a repetição temporal. Sarah propõe a Nyles a chance de escapar com ela, mas ele lhe revela o seu amor e pergunta se eles podem ficar juntos para sempre no loop. Sarah se recusa, decidida a tentar seu plano de fuga sem ele.

Sarah vai ao casamento pela última vez, fazendo um discurso sincero para sua irmã, a noiva, e depois se direciona para a caverna com explosivos. Nyles, mudando de idéia, corre para a caverna para fugir com Sarah. Ele admite que preferiria morrer com ela na explosão a ficar sozinho no loop. Sarah expressa seus sentimentos recíprocos, e eles se beijam na caverna, enquanto ela detona os explosivos. Revela-se que seu plano deu certo e que agora é 10 de novembro. Os dois estão relaxando na piscina de uma casa próxima, que Nyles mostrou a Sarah durante uma das repetições do loop, até que os moradores chegam e os flagram na piscina.

Em uma cena no meio dos créditos, Roy volta ao casamento e pergunta a Nyles se a fuga funcionou, expondo que Sarah o deixou uma mensagem de voz explicando seu plano. Nyles, confuso, não o reconhece, e Roy então sorri, se dando conta de que o plano de Sarah deu certo.

DesenvolvimentoEditar

O diretor Max Barbakow e o roteirista Andy Siara tiveram a ideia quando eram alunos do American Film Institute, "com visões iguais sobre as ideias filosóficas junguianas e sobre a importância prática de escrever um filme de baixo orçamento que seria fácil de produzir". [6] Eles imaginaram o roteiro como "uma abordagem mumblecore cômica e absurda de Leaving Las Vegas, focada em um homem desiludido, na faixa dos trinta anos, que viaja para Palm Springs para se suicidar, e aos poucos redescobre um sentido para sua vida". [6] Quando Siara passou a escrever para a série de TV Lodge 49, eles reformularam o roteiro em um projeto mais ambicioso, com um toque de ficção científica. [7] Apesar de Feitiço do Tempo ter sido um ponto de partida fundamentalmente importante para a abordagem de um loop temporal em uma comédia romântica, Barbakow e Siara sabiam que precisavam distanciar seu roteiro do filme de 1993. Como resultado, Nyles já está preso no loop no início da trama, fazendo-a se parecer com "uma sequência de um filme que não existe", de acordo com Siara, e então incluindo Sarah como uma segunda personagem dentro do loop, para servir como guia da audiência através da narrativa. [8]

O projeto foi anunciado em novembro de 2018, após garantir um incentivo fiscal para ser filmado na Califórnia; entretanto, devido às limitações desse crédito, os produtores foram forçados a filmar no território de Los Angeles, em vez de Palm Springs. Andy Samberg foi anunciado como protagonista do filme. [9] As gravações iniciaram em abril de 2019 e duraram 21 dias. [10]

LançamentoEditar

Palm Springs estreou mundialmente no Festival de Cinema de Sundance em 26 de Janeiro de 2020[11]. Pouco tempo depois, Neon e Hulu adquiriram os direitos de distribuição do filme[12]. Neon e Hulu supostamente pagaram $17,500,000.69 pelo filme, superando em $0.69 o recorde anterior de maior venda de um filme de Sundance[13]. Posteriormente, foi especulado que o acordo havia sido próximo de $22 milhões, após as garantias terem sido contabilizadas[14].

Nos Estados Unidos, o filme foi lançado digitalmente no Hulu e em alguns cinemas drive-in em 10 de Julho de 2020[15]. O Hulu noticiou que o filme também estabeleceu o recorde de "mais horas assistidas nos primeiros três dias que qualquer outro filme" na história da plataforma[16]. Em Agosto de 2020, foi relatado que 8,1% dos assinantes haviam assistido o filme no primeiro mês após seu lançamento[17]. Em Novembro, a Variety publicou que o filme foi o viségimo-sexto título direto para streaming mais assistido de 2020 até aquele momento[18].

Em Janeiro de 2021, uma versão comentada do filme foi lançada, com participações de Samberg, Milioti, Barbakow e Siara; o Hulu afirmou que foi o primeiro lançamento deste tipo em um serviço de streaming[19].

RecepçãoEditar

BilheteriaEditar

Palm Springs arrecadou $164,000 em 66 cinemas em seu fim de semana de estreia[20]. Foi exibido em cerca de 30 cinemas em sua segunda semana, e arrecadou $101,000[21].

CríticaEditar

Palm Springs foi recebido com aclamação da crítica. No Rotten Tomatoes, o filme tem uma taxa de aprovação de 94% com base em 202 avaliações, com uma média de 8,0/10. O consenso dos críticos do site diz: "Desempenhos fortes, direção garantida e um conceito original e refrescante tornam Palm Springs uma comédia romântica pela qual é fácil se apaixonar".[22] No Metacritic, o filme tem uma pontuação média ponderada de 83 em 100, com base em 42 críticas, indicando "aclamação universal".[23]

Escrevendo para o IndieWire, David Ehrlich deu ao filme a nota B+ e o elogiou por reabordar de modo sagaz a formula de Feitiço do Tempo: "O filme parece estar sempre prestes a ir além do que é possível para uma comédia super energética de 90 minutos, e o simples ritmo da narrativa não permite que a trama desacelere[24]. Peter Debruge, da Variety, deu ao filme uma avaliação positiva, e escreveu: "Palm Springs está para filmes de loop temporal como Zombieland estava para o gênero de mortos vivos: é uma abordagem irreverente a uma formula na qual tentativas anteriores eram obrigadas a se levar a sério[25]. Vince Mancini, da Uproxx, deu ao filme uma avaliação positiva, dizendo: "Palm Springs é o tipo perfeito de comédia de arte. Se apresenta como uma brilhante e ingênua anedota, e, eventualmente, cai sobre você como uma tonelada de tijolos[26]"

O Metacritic resumiu as principais listas de final de ano de vários críticos e classificou Palm Springs em 12º lugar geral. [27]IGN nomeou o filme como o Melhor Filme do Ano de 2020. [28]

ReferênciasEditar

  1. «2021 Writers Guild Awards Nominees». awards.wga.org. Consultado em 28 de março de 2021 
  2. «Palm Springs (2020)». Box Office Mojo. Consultado em 28 de março de 2021 
  3. «Crítica: Palm Springs (2020)». Estação Nerd. 14 de julho de 2020. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  4. Patten, Dominic (4 de dezembro de 2019). «Sundance 2020: Angelina Jolie, Robert Redford, Riley Keough, Bruce Lee Docu, Lena Waithe & LGBTQ+ Rights Pack Lineup». Deadline Hollywood. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  5. Fleming Jr, Mike (27 de janeiro de 2020). «'Palm Springs' Near $15 Million Deal With Neon & Hulu – Sundance». Deadline Hollywood. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  6. a b Siede, Caroline (4 de dezembro de 2020). «Palm Springs is the definitive 2020 rom-com». The A.V. Club 
  7. Erbland, Kate (7 de julho de 2020). «How 'Palm Springs' Transformed from 'Leaving Las Vegas' Rip-Off to a Sci-Fi 'Groundhog Day'». IndieWire 
  8. Kring-Schreifels, Jake (9 de julho de 2020). «How the 'Palm Springs' Team Found a New Wrinkle in the Time-Loop Movie». The Ringer. Consultado em 12 de julho de 2020 
  9. «SNL alum Andy Samberg's 'Palm Springs' film on pace to earn $2.5 million in tax credits». The Desert Sun. Consultado em 25 de março de 2019 
  10. Bennett, Alanna (Maio de 2019). «Camila Mendes Is Taking It All in Stride». Teen Vogue 
  11. Patten, Dominic (4 de dezembro de 2019). «Sundance 2020: Angelina Jolie, Robert Redford, Riley Keough, Bruce Lee Docu, Lena Waithe & LGBTQ+ Rights Pack Lineup». Deadline Hollywood. Consultado em 5 de dezembro de 2019 
  12. Fleming, Mike Jr. (27 de janeiro de 2020). «'Palm Springs' Near $15 Million Deal With Neon & Hulu – Sundance». Deadline Hollywood. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  13. Coyle, Jake (8 de janeiro de 2020). «'Palm Springs' sets a Sundance record in $17.5M sale». Associated Press News 
  14. Fleming, Mike Jr. (3 de fevereiro de 2020). «Value Of Hulu/NEON 'Palm Springs' Deal Is Actually $22 Million; How Streamers Ruled 2020 Sundance». Deadline Hollywood. Consultado em 28 de maio de 2020 
  15. Rubin, Rebecca (28 de maio de 2020). «Andy Samberg's Rom-Com 'Palm Springs' Will Debut on Hulu in July». Variety. Consultado em 28 de maio de 2020 
  16. Scharf, Zack (14 de julho de 2020). «'Palm Springs' Sets Hulu Streaming Record with Biggest Opening Weekend — Exclusive». IndieWire. Consultado em 14 de julho de 2020 
  17. Tran, Kevin (10 de agosto de 2020). «'Hamilton' Far Bigger Than Anything on Netflix in July, Audience Data Reveals». Variety. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  18. Bridge, Gavin (4 de novembro de 2020). «Data: 'Borat 2' Second Only To 'Hamilton' in Most-Watched U.S. SVOD Movies of 2020». Variety. Consultado em 4 de novembro de 2020 
  19. Donnelly, Matt (25 de janeiro de 2021). «Hulu Debuts 'Palm Springs' Commentary Cut With Andy Samberg and Cristin Milioti (Exclusive)». Variety. Consultado em 1º de fevereiro de 2021 
  20. Anthony D'Alessandro (13 de julho de 2020). «'Empire Strikes Back' Leads At The Weekend Box Office With $644K, 23 Years After Sequel's Special Edition – Update». Deadline Hollywood. Consultado em 13 de julho de 2020 
  21. Brueggemann, Tom (21 de julho de 2020). «'The Outpost' Still Strong on VOD, While John Lewis and Danny Trejo Docs Score». IndieWire. Consultado em 21 de julho de 2020 
  22. «Palm Springs (2020)». Rotten Tomatoes. Consultado em 23 de janeiro de 2020 
  23. «Palm Springs Reviews». Metacritic. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  24. Ehrlich, David (27 de janeiro de 2020). «'Palm Springs' Review: Andy Samberg and The Lonely Island Brilliantly Reinvent the 'Groundhog Day' Formula». IndieWire. Consultado em 17 de junho de 2020 
  25. Debruge, Peter (28 de janeiro de 2020). «'Palm Springs': Film Review». Variety. Consultado em 17 de junho de 2020 
  26. Vince Mancini (7 de julho de 2020). «'Palm Springs' Is Silly, Stylish, Profound, And Damn Near Perfect». Uproxx. Consultado em 12 de julho de 2020 
  27. «Best of 2020: Film Critic Top Ten Lists». Metacritic. Consultado em 26 de dezembro de 2020 
  28. «Best Movie of the Year 2020». ign.com. 21 de dezembro de 2020. Consultado em 29 de dezembro de 2020 

Ligações externasEditar