Paulo Roberto Ramos Lobo

político brasileiro

Paulo Roberto Ramos Lobo ([onde?], 23 de dezembro de 1948)[1] é um empresário e político brasileiro, que exerceu o cargo de prefeito da cidade fluminense de São Pedro da Aldeia por dois mandatos: de 2001 a 2004, e reeleito de 2005 a 2008.

Pretendia candidatar-se novamente no pleito de 2012, mas renunciou.[1]

Improbidade AdministrativaEditar

Em 2014 foi condenado por improbidade administrativa, tendo que pagar multa e tendo seus direitos políticos suspensos por 3 anos. "De acordo com a ação civil pública proposta pelo Ministério Público, Paulo Roberto Lobo, na época em que era prefeito da cidade de São Pedro da Aldeia, contratou pessoal sem concurso público e manteve tais serviços mesmo após o prazo fixado em termo de ajustamento de conduta celebrado com o Ministério Público. Paulo Roberto Lobo foi prefeito de São Pedro da Aldeia no período de 2001 a 2008." [2]

Obras realizadasEditar

No seu governo foram realizadas grandes e importantes obras para a estrutura do município como o novo Mercado de Peixe, saneamento e urbanização do Canal do Mossoró, o Teatro Átila Costa, a construção de um novo pronto-socorro, instalação do Aterro Sanitário Dois Arcos, lançamento do site de turismo da cidade[3], iluminação artística da Igreja Matriz de São Pedro, além de ampliação de diversas escolas do município.

Referências

  1. a b Candidatos a prefeito em 2012 - Paulo Lobo-11 Consultado em 5 de janeiro de 2017
  2. «Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro - Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro». www.tjrj.jus.br (em checo). Consultado em 18 de abril de 2018. Arquivado do original em 18 de abril de 2018 
  3. «Matéria sobre o lançamento do site de turismo oficial». Consultado em 1 de Dezembro de 2011