Pedro Cantor

Pedro Cantor (em latim: Petrus Cantor; m. 1197) foi um teólogo francês[1]. Educado em Reims, mudou-se depois para Paris, onde, em 1183, tornou-se cantor (daí o seu nome) em Notre-Dame. Em 1196, foi eleito deão em Reims, mas morreu, no ano seguinte, na Abadia de Longpont em algum momento depois de 29 de janeiro[2].

Em suas obras, de viés escolástico, Pedro comentou sobre o Antigo e o Novo Testamento[1]. Além disso, escreveu uma obra sobre o sacramento da penitência[1].

O medievalista Jacques Le Goff citou Cantor quando tentava determinar o "nascimento do purgatório" no século XII, citando que ele utilizou o termo purgatorium como substantivo em 1170[3].

Referências

  1. a b c   "Peter Cantor" na edição de 1913 da Enciclopédia Católica (em inglês). Em domínio público.
  2. Beryl Smalley, The Gospels in the Schools c. 1100 - c. 1280, London 1985, p. 101
  3. Le Goff, Jacques. The Birth of Purgatory. Trans. Arthur Goldhammer. Chicago: University of Chicago Press, 1984.