Peter Jenni

físico suíço

Peter Jenni (17 de abril de 1948) é um físico suíço.

Peter Jenni
Peter Jenni em 2013
Nascimento 17 de abril de 1948 (73 anos)
Nacionalidade Suíça Suíço
Prêmios Prêmio Julius Wess (2012), Prêmio Física de Alta Energia e Partículas (2013), Prêmio Panofsky (2017)
Instituições CERN, Universidade de Freiburg
Campo(s) Física

Peter Jenni obteve um diploma em física em 1973 na Universidade de Berna, com um doutorado em 1976 no Instituto Federal de Tecnologia de Zurique.[1] Em 1972 participou de experimentos no ciclotron síncrono do CERN e de 1974 a 1976 no Síncroton de Prótons do CERN e depois no Anéis de Armazenagem a Intersecções. De 1978 a 1979 esteve no Centro de Aceleração Linear de Stanford. A partir de 1980 trabalhou no CERN e esteve envolvido no experimento UA1 no Síncroton de Prótons. Com este detector e o detector UA1 foram confirmados o bóson W e o bóson Z, sob a direção de Carlo Rubbia. Mais tarde assumiu tarefas de gerência nos preparativos do Grande Colisor de Hádrons e do detector ATLAS.

CondecoraçõesEditar

Referências

Ligações externasEditar