Abrir menu principal
O módulo "Pirs" na ISS

Pirs (em russo: Пирс, significando "cais") também chamado de Stikovochny Otsek 1 ou SO-1 (em russo: Стыковочный отсек, "módulo de acoplamento ") é um módulo da Estação Espacial Internacional e um dos dois módulos de acoplagem inicialmente previstos para a ISS. O Pirs foi lançado em agosto de 2001 e desde então tem funcionado para acoplagem de espaçonaves russas e vem utilizado para saída e entrada dos cosmonautas utilizando trajes espaciais russos Orlan. Quando o segmento russo da ISS foi redesenhado em 2001, o novo design não incluiu o SO-2, e sua construção foi cancelada.[1] Embora ele seja a única câmara para caminhadas espaciais do segmento russo da estação, as EVAs podem também ser conduzida a partir da câmara no módulo Quest da parte norte-americana da ISS. Ele está atracado no porto Nadir (inferior, voltado para a Terra) do módulo Zvezda.[1]

O módulo estava planejado para ser desatracado da ISS e deorbitado em 2017 pela Progress MS-06 para ser substituído pelo novo módulo-laobratório russo Nauka, porém, devido a vários adiamentos no lançamento deste último, esta manobra foi adiada até 2019.[2] Quando isso acontecer, ele será o primeiro módulo da estação permanentemente descomissionado e destruído durante a reentrada na atmosfera.

HistóriaEditar

O projeto inicial da ISS previa dois Compartimentos de Embarque Russos (DC - Docking Compartments) durante a sequência de montagem, para proporcionar entrada e saída para as atividades extraveiculares dirigidas pelos russos e portas de embarque adicionais para a ISS. Seriam batizadas como "S01" (Pirs) e "S02". A S01 Pirs foi lançada em agosto de 2001 e a "S02" foi cancelada.

O compartimento de embarque russo foi construído pela RKK Energia e é semelhante aos utilizados pela estação espacial Mir. Proporciona portas de embarque para as naves Soyuz-TMA e Progress. Também dispõe de um despressurizador para acomodar caminhadas no espaço pelos cosmonautas russos equipados com trajes espaciais Orlan.

O "S01" foi acoplado à Estação Espacial Internacional por versões especiais da nave Progress-M e tem de massa 3 630 kg. O Pirs encontra-se acoplado a escotilha Nadir do módulo de serviço Zvezda. Ele tinha sido concebido para ser substituído quando fosse instalado o "S02", embora este último tenha sido cancelado por falta de fundos. Atualmente está previsto que o módulo Nauka ocupe o espaço atualmente ocupado pelo Pirs na ISS, quando então o mesmo será descartado.[3]

 
Cosmonautas no interior do Pirs antes de caminhada espacial.

EspecificaçõesEditar

  • Comprimento: 4,91 m
  • Diâmetro: 2,55 m
  • Peso: 3,580 kg
  • Volume: 13 m³ [3]

Referências

  1. a b Anatoly Zak. «Docking Compartment of the Russian segment of the ISS» 
  2. «Consolidated Launch Manifest». nasa.gov. 2011. Consultado em 6 de março de 2011 
  3. a b «The MLM module for the Russian segment of ISS». RussianSpaceWEb. Consultado em 19 de abril de 2019