Abrir menu principal
Um plasmócito.

Um plasmócito é uma célula agranulócita com aspecto ovóide.[1] São pouco numerosas no tecido conjuntivo normal, mas abundantes em locais sujeitos à penetração de bactérias (como o intestino e a pele) e nos locais onde existe inflamação crônica.

Estas células têm a capacidade de produzir anticorpos contra substâncias e organismos estranhos que casualmente invadam o tecido conjuntivo.[1] Ricas em ergastoplasma, são células anti-inflamatórias que se originam na diferenciação dos linfócitos B que chegam até os tecidos conjuntivos através do sangue.

Referências

  1. a b Junqueira, LC; Carneiro, José (1995). Histologia Básica 8ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. p. 80