Pocotes (pokot) ou suques (suk) são um povo nilota, subgrupo dos calenjins, que habita os planaltos ocidentais do Quênia e a Uganda. Falam uma língua própria, uma das línguas calenjins. Tradicionalmente criam gado, mas mais recentemente começaram a cultivar milho e tabaco para fins comerciais e se mudar às cidades. São conhecidos como guerreiros habilidosos e historicamente atacaram seus vizinhos massais, luos e quisis para obter gado, mas com a chegada dos britânicos na região em 1905, os ataques cessaram.[4]

Pocotes
Pokot Woman.jpg
Mulheres pocotes
População total

1 186 000[1]

Regiões com população significativa
Uganda 1 045 000 [2]
 Quênia 141 000 [3]
Línguas
Pocote
Religiões

Religião tradicional Pocote

Ichthus.svg Cristianismo
Etnia
Nilotas

Referências

  1. «Kalenjin Pokot People Group». Consultado em 20 de junho de 2022 
  2. «Kalenjin Pokot in Uganda». Consultado em 20 de junho de 2022 
  3. «Kalenjin Pokot in Kenya». Consultado em 20 de junho de 2022 
  4. Olson 1996, p. 485.

BibliografiaEditar

  • Olson, James Stuart (1996). «Pokot». The peoples of Africa: an ethnohistorical dictionary. Santa Bárbara, Califórnia: Greenwood Press. ISBN 978-0-313-27918-8