Procópio (prefeito urbano)

Procópio (em latim: Procopius; em grego: Προκόπιος; romaniz.: Prokópios) foi um oficial bizantino do século VI, ativo durante o reinado do imperador Justiniano (r. 527–565). Num monograma cruciforme sobre dois pesos de vidro há uma inscrição para um Procópio, sendo plausível que seja este oficial.[1]

Procópio
Nacionalidade Império Bizantino
Ocupação Oficial
Título

Entre novembro de 562 e abril de 563, exerceu a função de prefeito urbano de Constantinopla e nesta competência entregou para interrogatório os conspiradores envolvidos na tentativa de assassinato do imperador em novembro de 562. Foi auxiliado no caso pelos oficiais Constantino, Zenodoro e Juliano. Em abril de 563, foi demitido e substituído por André.[2]

Referências

  1. Martindale 1992, p. 1067.
  2. Martindale 1992, p. 1066.

BibliografiaEditar

  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambrígia e Nova Iorque: Imprensa da Universidade de Cambrígia. ISBN 0-521-20160-8