Abrir menu principal
A Quebrada das Conchas vista desde a paragem Tres Cruces.

A Quebrada das Conchas também conhecida como Quebrada de Cafayate é um vale de cerrado ou quebrada muito conhecida por suas belas paisagens na Província de Salta, na Argentina, próxima da cidade de Cafayate. É um estreito vale satélite do sistema dos Vales Calchaquíes. Por esta quebrada discorre o rio das Conchas e se encontra o traçado da rota Nacional 68, que une a localidade de Cafayate com a cidade de Salta. Seu percurso conta com paisagens de geomorfologia e cores muito variadas. Entre eles se destaca a Garganta do Diabo, rochas sedimentarias vermelhas erodidas pelo fluxo de água concentrada no passado geológico. Outras formas observáveis a ver da rota são O Anfiteatro, o Monge, o Sapo, as Janelas, os Castelos, etc. A uns 7 Km de distancia de Cafayate se encontram As Dunas, se trata de depósitos de finas areias eólicas calcárias.[1][2]

Recentes investigações arqueológicas têm determinado que a poucos metros da atual rota 68 discorria um caminho inca, agregando uma relevância arqueológica ao sitio.[3]

A quebrada é um acidente geologicamente moderno, produzida por movimentos tectônicos que tiveram lugar nos últimos dos milhões de anos.

Ver tambémEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Quebrada das Conchas

Referências

  1. «Salta - Valles Calchaquíes». ArgentinaXplora.com. Consultado em 21 de agosto de 2008 
  2. «Quebrada del Río de las Conchas». ArgentinaTurismo.com.ar. Consultado em 21 de agosto de 2008 
  3. Christian Vitry. «Camino del Inca en la Quebrada de Las Conchas». Portal Informativo de Salta. Consultado em 21 de agosto de 2008. Arquivado do original em 3 de julho de 2008