Abrir menu principal

Quitandinha Serenaders foi um conjunto vocal brasileiro dos anos 40.

Formado por Alberto Ruschell, Francisco Pacheco, Luiz Bonfá e Luiz Telles, recebeu esse nome do produtor musical Carlos Machado, quando o conjunto se apresentava no Hotel Quitandinha, em Petrópolis.

Em 1947 gravou a música Felicidade, de Lupicínio Rodrigues, dando projeção nacional ao compositor.[1]

Em 1953, o grupo se desfez, após gravar dois discos pela Continental e oito pela Odeon.[2]

DiscografiaEditar

  • (1952) José do rancho/Prece ao Senhor do Bonfim • Odeon • 78
  • (1952) Tormento/Meu lamento • Odeon • 78
  • (1951) Sansão e Dalila/É ordem do rei • Odeon • 78
  • (1951) El soldado de Levita/No lo digas no • Odeon • 78
  • (1951) Qual o que!/Vaqueiro nordestino • Odeon • 78
  • (1951) Nero/Morena da praia • Odeon • 78
  • (1950) Sabiá cantô/O amor é assim • Odeon • 78
  • (1950) Quando você voi-se embora/Xô! Xô! Passarinho • Odeon • 78
  • (1949) Gauchinha/El abandonado • Continental • 78
  • (1948) Alecrim/Eu, você e o mar • Continental • 78

Referências

  1. «Lupicínio Rodrigues». UOL Educação. Consultado em 31 de julho de 2010 
  2. «Quitandinha Serenaders». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 31 de julho de 2010 
  Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.