Abrir menu principal
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2012). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Regino Cruz
Regino Cruz. Foto: Fernando Guerra & Sérgio Guerra – Fotografia de Arquitectura
Nome completo Regino Lopes Paulo da Cruz
Nascimento 1954 (65 anos)
Lisboa
Nacionalidade Portugal portuguesa
Ocupação arquitecto
Prémios Menção honrosa do Prémio Valmor e Municipal de Arquitectura 1998

Regino Lopes Paulo da Cruz GO OM (Lisboa, 1954) é um arquitecto português, mais conhecido por Regino Cruz.

Tem escritório no Estoril. O seu percurso académico e profissional desenvolve-se principalmente em Portugal e no Brasil. Entre os dois, realizou e coordenou mais de duas centenas de projectos de edifícios institucionais, complexos desportivos, turísticos, empreendimentos habitacionais e de reestruturação urbana.

PercursoEditar

Iniciou os seus estudos de arquitectura na ESBAL – Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa e ficou fortemente ligado às Universidades brasileiras. Licenciou-se pela Universidade Santa Úrsula no Rio de Janeiro em 1978, onde posteriormente exerceu funções como docente, entre 1979 e 1985, tendo também colaborado com outras instituições de ensino.

Em 1990, cria a Regino Cruz – Arquitectos e Consultores, S.A., com sede no Estoril, num edifício concebido pelo próprio.

Obras mais relevantesEditar

Projectos em Construção & ConcursosEditar

Carreira académicaEditar

  • 1979-1985 – Professor na Universidade Santa Úrsula, Rio de Janeiro, Brasil
  • 1980 - Professor Convidado na Fundação Mário Pinotti, Rio de Janeiro, Brasil

PrémiosEditar

  • 1º PRÉMIO CONCURSO INTERNACIONAL (2006) - CENTRO CONGRESSOS PARQUE DAS CIDADES, Algarve
    • CENTRO DE EXPOSIÇÕES E CONGRESSOS (salões de exposições, 7.715 m², auditório com 1.800 lugares); área de construção: 22.087 m². Entidade promotora: ASSOCIAÇÃO DE MUNICÍPIOS LOULÉ/FARO
  • 1º PRÉMIO CONCURSO (2000) - TRIBUNAL DE TRABALHO e TRIBUNAL DE FAMÍLIA E MENORES
    • Parque das Nações, Lisboa; área de construção: 35.268 m². Entidade promotora: EXPOCOMITUR, Promoção e Gestão Imobiliária, S.A.
  • 1º PRÉMIO CONCURSO INTERNACIONAL (2000) - ESTÁDIO DE FARO/LOULÉ
    • 18.000 lugares (30.000 lugares para o campeonato EURO 2004); área de construção: 19.698 m². Em associação com “SOM – Skidmore, Owings & Merrill, Inc.”. Entidade promotora: PARQUE DAS CIDADES, E.I.M.
  • 1º PRÉMIO CONCURSO INTERNACIONAL (1998) - CENTRO DE CONGRESSOS DO ESTORIL
    • CENTRO DE EXPOSIÇÕES E CONGRESSOS (salão de exposições, 6.500m2; e auditório com 600 lugares); área de construção: 21.136 m². Entidade promotora: DTCE, Desenvolvimento da Costa do Estoril E.M.
    • PRÉMIO - Melhor Empreendimento do Ano (2002)
    • PRÉMIO - Melhor Equipamento de Turismo (2002)
    • PRÉMIO - Excelente em Inovação e Qualidade Arquitectónica (2002), no Concurso “Óscares” do Imobiliário Português
  • 1º PRÉMIO CONCURSO INTERNACIONAL (1994) - PAVILHÃO ATLÂNTICO, Lisboa
    • PAVILHÃO MULTIUSOS, sala Atlântico, 11.300 lugares (20.000 lugares com ocupação da arena); sala Tejo 500 lugares (3.000 lugares com ocupação da arena); área de construção: 31.220 m². Em associação com “SOM – Skidmore, Owings & Merrill, Inc.”. Entidade promotora: PARQUE EXPO’98, S.A.
    • PRÉMIO - Menção Honrosa do Prémio Valmor (1998) (projecto conjunto)[1]
    • PRÉMIO - Medalha de Ouro (2001) a nível mundial no Concurso do Comité Olímpico Internacional “IOC/IAKS Award”
    • PRÉMIO - “Most Innovative Structure Award” (2001) pela Structural Engineers Association of Illinois, USA
  • 1º PRÉMIO CONCURSO (1984) - HOSPITAL DO MINISTÉRIO DA MARINHA, Rio Grande do Sul, Brasil
    • DIRECTORIA DE OBRAS CIVIS DA MARINHA. Área de construção: 5.891 m²
  • 1º PRÉMIO CONCURSO (1984) - CLUBE DE CAMPO DOS SERVIDORES DO SERPRO, Rio de Janeiro, Brasil
    • SERPRO, Serviço Federal de Processamento de Dados. Área do terreno: 40 ha. Área de construção: 4.225 m². Área de Equipamentos Colectivos: 70.000 m²

DistinçõesEditar

  • Membro do Conselho Científico do 1º Congresso Ibérico CIMAD’04, Universidade do Minho (2004).
  • Membro do júri internacional para os “MIPIM AWARDS”, Cannes, França (2000).
  • Homenageado por Sua Excelência o Presidente da República de Portugal com o Grau de Grande Oficial da Ordem do Mérito (1999).
  • Auditor de Defesa Nacional (1999).
  • Membro do júri internacional para os “MIPIM AWARDS”, Cannes, França (1998).
  • Homenageado como Convidado de Honra do “Wallonie Wood’98”, Libramont, Bélgica (1998).
  • Membro do júri internacional para os “MIPIM AWARDS”, Cannes, França (1996).
  • Patrono da exposição “Nações Unidas – 50 Anos ao Serviço da Humanidade, Lisboa (1996).
  • Membro do júri internacional para os “MIPIM AWARDS”, Cannes, França (1995).
  • Professor homenageado pelos finalistas do curso de arquitectura da Universidade Santa Úrsula, Rio de Janeiro, Brasil (1983).

BibliografiaEditar

Autor dos livros
  • “Um Lugar para Trabalhar”, Caleidoscópio, Lisboa (2006)
  • “Centro de Congressos do Estoril”, White & Blue, Lisboa (2002)
  • Co-autor do “Pavilhão Atlântico - Regino Cruz/ Skidmore, Owings & Merrill”, Parque das Nações, Lisboa (2000).
Os seus projectos vêm referenciados nos livros, entre outros
  • “Guia de Arquitectura Sul e Ilhas de Portugal”, Traço Alternativo, Lisboa, 2011, págs. 69 e 126
  • “by Technal” – Technal (Hydro Building Systems) – Printer, Trento, Itália, Setembro 2010, págs. 140 a 145
  • “Pavilhão Atlântico – Da Utopia à Realidade”, Assírio & Alvim, Lisboa, 2008
  • “Anuário Arquitectura II”- José Manuel das Neves, Caleidoscópio – Edição e Artes Gráficas, S.A. Lisboa, Junho 2008, págs, 204 a 207
  • “1000 x European Architecture”. Verlagshaus Braun, 2007, pág. 212
  • “Novos Edifícios – Um Impacte Ambiental Adverso ’03” – Pedro Bento, Parque Expo, Lisboa, 2007, págs. 89 a 111
  • “Language of Contemporary Architecture”, China Machine Press, 2007, págs. 196 a 198
  • “Transparências 014” - José Manuel das Neves, Caleidoscópio – Edição e Artes Gráficas, S.A. Lisboa, Maio 2006, págs. 196 a 211
  • “Arquitectura em Lisboa e Sul de Portugal desde 1974”, Carsten Land, Klaus J. Hücking e Luis Trigueiros - Editorial Blau, Lisboa, 2005, pags. 104, 296, 297, 424
  • “A Madeira na Construção”, Paulo Cruz, João Negrão e Jorge Branco – CIMAD, Guimarães, 2004, pág. 43 a 52
  • “História do Vidro e do Cristal em Portugal”, José Amado Mendes – Edições INAPA, 2002, Lisboa, págs. 102 e 103
  • “Arquitectura Interiores e Design” – José Manuel da Neves, Estar Editora, Lda, Lisboa, 2002, págs. 106 a 109
  • “Estruturas de Madeira, Reabilitação e Inovação”, Vitor Cóias e Silva, GECoRPA, Lisboa, 2000, págs. 155 a 165
  • “Exposição Mundial de Lisboa de 1998”, S Design – Tipografia Peres, Lisboa, Março 1999
  • “Pavilhão Atlântico” – Atlântico – Pavilhão Multiusos de Lisboa, Peres, Artes Gráficas, S.A., Lisboa, 1999
  • “Anuário de Arquitectura 4” – José Manuel da Neves, Estar – Editora, Lda, Lisboa, Novembro 1999, pág. 305
  • “Exposição Mundial de Lisboa - Arquitectura”, Luís Trigueiros, Cláudio Sat e Cristina Oliveira – Editorial Blau, Lisboa, 1998, págs. 146 a 153, 212
  • “Pavilhão da Utopia”, Parque Expo’98, Lisboa, 1998
  • “Lisbon - A Guide to Recent Architecture”, Paulo Santos - ELLIPSIS London Limited, Könemann, 1998, Köln, págs. 134 a 135, 212 e 220 a 223
  • “Universale di Architettura - Lisbona 1998 Expo” –, Roberto Collavá – Testo & Immagine 1998, Torino, págs. 36 a 39
  • “Lisbon World Expo’98 – Projects”, Luís Trigueiros, Cláudio Sat e Cristina Oliveira – Editorial Blau, Lisboa, 1996, págs. 108 a 113

Regino Cruz tem artigos publicados em revistas especializadas nacionais e estrangeiras, nomeadamente l’Arca, Architecture Méditerranéenne, The Architectural Review, Architécti, Arquitectura e Vida, Arte & Construção, AIT, Bauwelt, Casa e Decoração, Espaço & Design, Exame, Homem Magazine, Revista Imobiliária, The Portuguese Review, Building Design, Formes et Structures, Impianti, Villas, Vogue e World Architecture, para além de inúmeras presenças na imprensa diária.

Referências

  1. «Prémio Valmor e Municipal de Arquitectura / 1990/1999». Câmara Municipal de Lisboa. Consultado em 10 de Julho de 2012. Arquivado do original em 29 de julho de 2010 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Regino Cruz