Abrir menu principal

Religião na Tailândia

A religião na Tailândia é variada. A Tailândia, país do Sudeste asiático com capital em Bangkok, não possui religião oficial, e a Constituição tailandesa garante a liberdade religiosa para todos os cidadãos tailandeses, embora o rei é exigido por lei para ser Budista Teravada.[1] A principal religião praticada na Tailândia é o budismo, mas há uma tendência forte do hinduísmo com a sua distinta classe sacerdotal.[2] A grande população de origem chinesa também pratica religiões populares chinesas, incluindo o taoísmo. O I-Kuan Tao espalhou-se na Tailândia em 1970 e tem crescido muito nas últimas décadas, entrando em conflito com o budismo. Relata-se que a cada ano 200.000 Tais convertem-se à religião.[3] Muitas outras pessoas, especialmente entre os Isan, a prática de religiões populares é predominante. É significativa a população muçulmana, na sua maioria constituída por Tais-malaios, estando presente especialmente na região sul. O cristianismo está presente, embora em minoria.[3]

Referências

  1. "Buddhism in Thailand: Its Past and Its Present", by Karuna Kusalasaya. Access to Insight (Legacy Edition), 30 November 2013, http://www.accesstoinsight.org/lib/authors/kusalasaya/wheel085.html .
  2. The new Brahmins. Bangkok Post, 12 October 2015.
  3. a b Yusheng Lin. Yiguandao and Buddhism in Thailand. 2015.