Abrir menu principal
Ringwoodita
Categoria Nesossilicatos
Classificação Strunz 09.AC.15
Cor Azul, também vermelho, violeta ou incolor (Mg2(SiO4) puro)
Fórmula química Mg2SiO4
Propriedades cristalográficas
Classe de simetria Hexaoctaédrica isométrica
Notação de Hermann-Mauguin: 4/m32/m
Grupo de espaço: Fd3m
Parâmetros da célula a = 8.113 Å; Z=8

A ringwoodita é um mineral da classe dos nesossilicatos, e dentro desta pertence ao chamado “grupo da olivina". Descoberto em 1969 num meteorito caído próximo de Charters Towers, em QueenslandAustrália,[1] foi assim nomeado em honra a Alfred E. Ringwood, geoquímico australiano.

Referências

  1. Binns, R.A., Davis, R.J., y Reed, S.J.B., 1969. "Ringwoodite, natural (Mg,Fe)2SiO4 spinel in the Tenham meteorite". Nature: 221: 943-944.