Nota: Se procura pelo objeto utilizado para dar acesso a locais, veja catraca. Se procura pelo drible de futebol, veja roleta (futebol).

A roleta é um jogo de azar muito comum em casinos. O termo deriva do francês roulette, que significa "roda pequena". O uso da roleta como elemento de jogo de azar, em configurações distintas da atual, não está documentado na entrada da Idade Média. É de suspeitar que a sua referência mais antiga seja a chamada "Roda da Fortuna", conhecida ao longo de toda a história. A "magia" do movimento das rodas teve de impactar a todas as gerações dos homens. A aparente quietude do centro, o aumento da velocidade conforme nos arredores da roleta, a possibilidade de que se detenha no ponto de azar, tudo isto influi no desempenho de distintos jogos que têm a roda como base.

Foto de uma roleta

As rodas e, por extensão, as roletas, sempre tiveram uma conexão com o mundo mágico e esotérico. Assim, uma delas parte do tarô, mais precisamente dos que conhecem como arcanos maiores. Segundo os indícios, a criação de uma roleta e suas normas de jogo, muitos similares às que conhecemos hoje em dia, deve-se a Blaise Pascal, que idealizou uma roleta com números, que tem um extremo equilíbrio na posição em que está colocado cada número. A eleição de números deu um alcance mais vinculado à magia (a soma dos primeiros números [1-36] é o número mágico por excelência: 666).

Equipamento editar

A mesa da roleta é composta por duas secções, a própria roda e o layout de apostas, mais conhecido como layout da roleta. Existem dois estilos de mesas de roleta. Um tem um layout de aposta único com a roda da roleta em uma extremidade e o outro tem dois layouts com a roda no centro. A roda gira horizontalmente.[1]

À frente do desenho do layout, que é impresso em baeta verde, está um espaço contendo a figura 0 (estilo europeu) ou as figuras 0 e 00 (estilo americano, embora tais rodas fossem usadas também na Europa durante os séculos XVIII e XIX).[2] A parte principal do projeto é composta por 36 espaços retangulares numerados consecutivamente, alternadamente coloridos em vermelho e preto e dispostos em três colunas de 12 espaços cada, começando com 1 na parte superior e terminando com 36 na parte inferior.[3]

As fichas de Roleta são usadas para identificar o jogador e para fazer apostas. Na roleta física, o jogador compra um certo número de fichas, que ele então coloca na mesa da roleta nas caixas em que quer apostar. Quando você quiser fazer uma aposta "de 19 a 36", tudo o que você tem que fazer é colocar sua ficha naquela caixa.[4]

Probabilidades de roleta editar

Ao usar a roda de estilo americano com 0 e 00, a vantagem (“vigorosa”) para o banco aumenta para 2 partes extras em 38, ou cerca de 5,26% de todas as apostas. A única exceção é a aposta na linha de 5 números, em que a vantagem da casa é de cerca de 7,89%.[5]

A roleta, conforme jogada em outros locais que não os Estados Unidos e o Caribe, é a mesma, exceto que a roda e o layout contêm apenas um único zero (0). Isso reduz a vantagem do banco para cerca de 2,7 por cento.[6] Em alguns casinos, quando 0 aparece, todas as apostas de dinheiro par - vermelho, preto, ímpar, par, alto, baixo — estão na prisão (“aprisionadas”). No próximo giro da roda, se 0 aparecer novamente, a casa coleta metade de cada aposta presa; caso contrário, ele coleta todas as apostas perdidas e retorna as apostas originais para todos os vencedores. Com esta regra, a vantagem do banco em apostas de dinheiro igual é reduzida para cerca de 1,35 por cento.[7]

Estratégias e táticas de apostas editar

Métodos de previsão editar

No início da década de 1990, Gonzalo Garcia-Pelayo acreditava que as roletas dos casinos não eram perfeitamente aleatórias e que, ao registar os resultados e analisá-los com um computador, ele poderia ganhar vantagem sobre a casa ao prever que certos números eram mais prováveis de ocorrer. Ele fez isso no Casino de Madrid em Madrid, Espanha, ganhando 600 000 euros em um único dia e um milhão de euros no total. A ação legal contra ele pelo casino não teve sucesso, sendo decidido que o casino deveria consertar sua roda.[8]

Para se defender contra explorações como essas, muitos casinos usam software de rastreamento, usam rodas com novos designs, giram as cabeças das rodas e giram aleatoriamente anéis de bolso.[9]

No casino Hotel Ritz, em março de 2004, dois sérvios e um húngaro usaram um scanner a laser escondido dentro de um telefone celular conectado a um computador para prever o setor da roda onde a bola provavelmente cairia. Eles arrecadaram £ 1,3 milhão em duas noites.[10] Eles foram presos e mantidos sob fiança policial por nove meses, mas eventualmente liberados e autorizados a manter seus ganhos, pois não interferiram no equipamento do casino.[11]

Métodos de Martingale editar

O método Martingale é reconhecido como uma das estratégias mais conhecidas e antigas para aumentar as chances de vitória na roleta, bem como em outros jogos como pôquer e blackjack. Essencialmente, trata-se de um sistema progressivo no qual a aposta é dobrada ou aumentada em caso de derrota, de modo que, ao atingir a vitória, o valor do dinheiro apostado é recuperado integralmente.

No método Martingale, não há ganhos ou perdas diretas. Sua finalidade principal é recuperar o investimento inicial para aqueles que sofreram perdas significativas ou sucessivas, oferecendo uma proteção contra perdas substanciais por um período considerável.

Métodos de Fibonacci editar

Conforme sugere o nome, essa técnica é baseada na sequência de números Fibonacci, onde cada número subsequente é a soma dos dois anteriores (1 – 1 – 2 – 3 – 5, e assim por diante). Em uma mesa de roleta, a técnica Fibonacci implica aumentar gradualmente a aposta a cada rodada, seguindo a sequência. O objetivo é monitorar de perto os ganhos e as perdas, permitindo a recuperação gradual das derrotas e a identificação do momento em que se está à frente.

A vantagem dessa abordagem é sua simplicidade e menor exposição a riscos em comparação com outros sistemas, devido ao aumento de apostas de forma menos agressiva.[12][13]

Métodos de D'Alembert editar

Ao contrário da estratégia Martingale, que dobra a aposta após cada derrota, na técnica D'Alembert, a aposta original é adicionada ao valor da última aposta realizada. Desenvolvida pelo matemático francês Jean Le Rond D'Alembert, essa estratégia é uma das mais antigas e conservadoras. O conceito fundamental é que um evento tende a não se repetir imediatamente, e as probabilidades de vitória aumentam à medida que se joga mais.

A vantagem de usar a abordagem D'Alembert reside em sua facilidade de aplicação e na capacidade de manter o controle do orçamento, promovendo um jogo responsável. É uma escolha comum entre jogadores experientes em cassinos físicos e virtuais.

Novos avanços tornaram impossível a previsão da roleta, o que é especialmente verdadeiro online, onde uma tecnologia comprovadamente justa é implementada. As únicas estratégias que podem ser aplicadas à roleta moderna são as estratégias de apostas utilizadas para controlar as suas perdas, em vez de aumentar as suas hipóteses de ganhar.[1]

Ver também editar

Referências

  1. «Predicting the outcome of roulette». ResearchGate (em inglês). Consultado em 24 de março de 2021 
  2. Roulette Wheel Study, Ron Shelley, (1988)
  3. «Mesa de roleta». britannica.com 
  4. «Fichas De Roleta». 10 de junho de 2021 
  5. «Probabilidades de roleta». britannica.com 
  6. «The Truth about Betting Systems». wizardofodds.com. 15 de junho de 2019. Consultado em 22 de setembro de 2020 
  7. «Theage.com.au» 
  8. Wheel of Fortune | Motley Fool, fool.com
  9. Zender, Bill (2006). Advantage Play for the Casino Executive. [S.l.: s.n.] 
  10. «The sting: did gang really use a laser, phone and a computer to take the Ritz for £1.3m?». The Guardian 
  11. «Integração de software de cassino online de roleta» 
  12. uai.com.br (9 de setembro de 2022). «Martingale, Fibonacci e D'Alembert: conheça 3 métodos para ganhar na roleta». uai 
  13. «MrBet Cassino». [Hugo Jardim]. 11 de setembro de 2022