Second Amendment Sisters

grupo de defesa dos direitos das mulheres de manter e portar armas dos Estados Unidos

A Second Amendment Sisters, Inc. (SAS) era um grupo de defesa dos direitos das mulheres de manter e portar armas dos Estados Unidos que apoiava o uso de armas para autodefesa e empoderamento.

Second Amendment Sisters
(SAS)
Logótipo
Second Amendment Sisters
Fundação 1999[1]
Extinção setembro de 2015[2]
Línguas oficiais Inglês
Sítio oficial www.2asisters.org

Histórico

editar

De acordo com um artigo de 2003 do Los Angeles Times, o grupo SAS foi fundado em dezembro de 1999 por cinco mulheres que ficaram "indignadas" com o evento conhecido como "Million Mom March" que visava um controle mais rígido de armas.[3] A organização nacional fechou em 2015.[2]

Legado

editar

Algumas seções estaduais individuais continuam a operar de forma independente.[4]

O domínio original (http://www.2asisters.org), hoje em dia direciona para a "Arizona Citizens Defense League" (AzCDL).[5]

Ver também

editar

Referências

  1. Emily Sweeney (6 de fevereiro de 2005). «Sisters in arms - Growing number of women are using guns for self-defense and fun». boston.com. Consultado em 20 de maio de 2021 
  2. a b «Second Amendment Sisters, Inc. We are sorry but Second Amendment Sisters is no longer in operation». Second Amendment Sisters. 5 de setembro de 2005. Consultado em 20 de maio de 2021 
  3. Elizabeth Mehren (18 de janeiro de 2003). «Campus Feminism With a Twist and a .22». Los Angeles Times. Consultado em 20 de maio de 2021 
  4. «MA Chapter of Second Amendment Sisters | Facebook». www.facebook.com. Consultado em 20 de maio de 2021 
  5. «Arizona Citizens Defense League - Protecting Your Freedom». www.2asisters.org. AzCDL. Consultado em 20 de maio de 2021