Senado Dirigente

Sede do Senado em São Petersburgo

Senado Dirigente (em russo: Правительствующий сенат) era um órgão legislativo, judicial e executivo dos imperadores russos, instituído por Pedro, o Grande, para substituir a Duma e durou até o fim do Império Russo. Era presidido pelo Procurador-Geral, que servia como a ligação entre o soberano e o Senado e agia, nas próprias palavras do imperador, como os "olhos do soberano". Originalmente estabelecida apenas durante o tempo de ausência de Pedro, tornou-se um órgão permanente após seu retorno. O número de senadores foi definido pela primeira vez em nove e em 1712 aumentou para dez.[1]

Ver tambémEditar

Referências

  1. Corte Constitucional da Federação Russa (ed.). «História do Senado». Consultado em 27 de maio de 2016 

BibliografiaEditar

  • Steinberg, Mark D.; Riasanovsky, Nicholas Valentine (2005). A History of Russia. Oxford [Oxfordshire]: Oxford University Press. ISBN 0-19-515394-4 
  Este artigo sobre a Rússia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.