Sismo de Chūetsu de 2004

Sismo de Chūetsu de 2004
Data 23 de outubro de 2004
Epicentro 138°47'_N_138_47_0_E 37° 19' N, 138°47'" N 138° 47' E{{#coordinates:}}: latitude inválida
Danos causados pelo terremoto de Chūetsu.

Sismo de Chūetsu de 2004 (中越地震 'Chuetsu jishin, oficialmente denominado pela AMJ?) foi um sismo que ocorreu às 17:56 (UTC +9) do dia 23 de outubro de 2004, num sábado, que atingiu uma magnitude de 6.8 MW. O terremoto inicial causou perceptível agitação em metade da ilha de Honshu, incluindo partes de Tohoku, Hokuriku, Chūbu e regiões de Kanto.[1]

TerremotoEditar

O sismo teve início às 17:56 (UTC +9). Segundo a Agência Meteorológica do Japão, o terremoto alcançou uma magnitude máxima de 7 na escala japonesa de Shindo na Prefeitura de Niigata. Segundo a agência o epicentro foi em 37° 18′ N, 138° 48′ L e o hipocentro ocorreu a uma profundidade de 45,8 km.

DanosEditar

 
Efeitos do terremoto nas ruas de Ojiya.

Cerca de 8 mil pessoas foram feridas durante o incidente, em Niigata-ken. O maior dano foi o colapso das habitações. A 3 de novembro de 2004, foram confirmadas 69 vítimas do desastre, quando alguns tremores ainda se faziam sentir.[2]

O serviço de trem-bala, também conhecido como Shinkansen, foi seriamente afetado. Houve descarrilhamentos, ruas completamente destruídas, liquefação do solo, pontes desabaram e edifícios destruídos. Deslizamentos de terra bloquearam estradas deixando várias aldeias isoladas naquele que foi o pior terremoto registado no Japão desde 1995.[2][3]

Referências

  1. «新潟県中越地方の地震に伴う地殻変動(第一報)» (em japonês). 2004. Consultado em 13 de junho de 2013 
  2. a b «Aid slow to reach Japan quake victims» (em inglês). usatoday.com. 23 de outubro de 2014. Consultado em 13 de junho de 2013. Arquivado do original em 6 de dezembro de 2004 
  3. «1964 Niigata earthquake, Japan» (em inglês). ce.washington.edu. Consultado em 13 de junho de 2013. Arquivado do original em 8 de julho de 2007