Abrir menu principal
Slavko Kvaternik
Nascimento 25 de agosto de 1878
Morte 13 de junho de 1947 (68 anos)
Zagreb
Cidadania Croácia
Etnia croatas
Ocupação político, soldado, ministro da defesa
Prêmios Cruz de Ferro

Slavko Kvaternik (25 de agosto de 1878 - 7 de junho de 1947) foi um dos fundadores do movimento Ustaše e uma das pessoas mais diretamente responsáveis ​​pelo Holocausto no Estado Independente da Croácia.[1] Kvaternik era comandante militar croata e ministro das Domobranstvo (Forças Armadas). Em 10 de abril de 1941, declarou a criação do Estado Independente da Croácia.

Kvaternik era um oficial no Exército Austro-Húngaro e esteva envolvido na Primeira Guerra Mundial. Após o colapso da Áustria-Hungria, ele se juntou ao Conselho Nacional de Estado de Eslovenos, Croatas e Sérvios e tornou-se Chefe do Estado-Maior do não reconhecido Estado dos Eslovenos, Croatas e Sérvios. Como tal, ele defendeu a região de Međimurje contra os húngaros. Mais tarde, ele transferiu para o Exército Real Iugoslavo e permaneceu lá até 1921.

Em 1929, ele foi um dos fundadores do Movimento Revolucionário Ustaša-Croata na Itália. Depois que a Alemanha invadiu a Iugoslávia em março de 1941, declarou a criação do Estado Independente da Croácia em 10 de abril de 1941 com o apoio do Eixo. No Estado recém-criado, ele se tornou o Ministro das Forças Armadas e, em 1943, ele se aposentou.

Referências

  1. History of the Holocaust, Yugoslavia, Yad Vashem, PEI, page 139

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.