Abrir menu principal
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde maio de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Um exemplo de solo argiloso na Noruega

O solo argiloso possui pelo menos 30% de argila na sua composição de grãos. Esse tipo de solo possui partículas muito pequenas (microporos). Como os espaços entre os grãos (os poros), também são muito pequenos, eles retêm mais água.[1] Assim, o solo argiloso costuma ficar encharcado após uma chuva, o que melhora o seu manuseio.

Quando está seco e compacto, sua porosidade diminui ainda mais, tornando-o duro e ainda menos arejado. Possui consistência fina e é impermeável a água e a todos os outros líquidos.[2] É bom para agricultura[carece de fontes?], também é muito utilizado como matéria-prima para fabricação de utensílios, cerâmicas, objetos de arte e adornos, assim como para construção por meio de telhas, tijolos cerâmicos, adobes, parede de pau a pique e taipa de pilão. A argila tem grãos menores de 0,002 mm.

Referências

  1. «Tipos de solo». Portal Brasil 
  2. Pippa Greenwood (1998). O livro definitivo de dicas & sugestões de jardinagem. [S.l.]: NBL Editora. 192 páginas 
  Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.