Sormaco

um católico de todos os armênios

Sormaco (em latim: Sormacus;[1] em armênio: Սուրմակ; romaniz.:Surmak; m. 444) foi um católico de todos os armênios (ou anticatólico[2]) da Igreja Apostólica Armênia de 428 a 429, e depois, de 437 a 444. Parece ser de origem armênia[3] e, quiçá, pertenceu à segunda linhagem de clérigos do país, descendentes de de Albiano de Manziquerta.[4]

Sormaco
Sormaco
Bandeira da Igreja Apostólica Armênia
Morte 444
Nacionalidade Armênio
Ocupação Bispo
Título
Religião Igreja Apostólica Armênia

Biografia editar

 
Dracma de Vararanes V (r. 420–438)

Em 428, após ser acusado por Sormaco de conivência com Constantinopla e se recusar a apoiar os nacarares contra o rei Artaxias IV (r. 423–428), que foi deposto pelo Vararanes V (r. 420–438),[5] o católico Isaque I, o Grande foi deposto e substituído por Sormaco. Sormaco logo atraiu a inimizade do nacarares e, a seu pedido, foi deposto em 429 (ou até mesmo 428[3]) pelo marzobã Vemir-Sapor, [6] embora tenha recebido o cargo de bispo de Besnúnia (norte do lago de Vã).[7] Um prelado persa de língua síria, Barcísio, o sucedeu até 432, quando foi substituído por outro prelado persa de língua síria, Samuel, o Sírio, que exerce as funções temporais de seu ofício, enquanto Isaque manteve as funções espirituais (incluindo a consagração de bispos).[8]

Sormaco voltou ao centro do cenário em 437, à morte de Samuel, tendo assumido as funções do falecido.[9][10] Ao mesmo tempo, as funções espirituais passaram para José I de Holocim (talvez com o interlúdio de Mesrobes Mastósio de 437 a 439[4] ou de 439 a 440 [11]). Quando Sormaco morreu em 444, as funções temporais do ofício passaram para José I.[4]

Ver também editar

Precedido por
Isaque I, o Grande
Católico de todos os armênios
428-429
Sucedido por
Barcísio
Precedido por
Samuel, o Sírio
Católico de todos os armênios
(poderes temporais)

437-444
Sucedido por
José I de Holocim

Referências

  1. Moisés de Corene 1736, p. 395.
  2. «LISTE DES CATHOLICOS - DE L'EGLISE APOSTOLIQUE D'ARMENIE» (PDF) (em inglês). Consultado em 2 de agosto de 2013 
  3. a b Hovannisian 1997, p. 98.
  4. a b c Dédéyan 2007, p. 188.
  5. Boisson-Chernorhokian 1996, p. 40.
  6. Dédéyan 2007, p. 185.
  7. Grousset 1947, p. 184.
  8. Dédéyan 2007, p. 186.
  9. Grousset 1947, p. 186.
  10. Dédéyan 2007, p. 187.
  11. Grousset 1947, p. 188.
  • Este artigo foi inicialmente traduzido, total ou parcialmente, do artigo da Wikipédia em francês cujo título é «Sourmak», especificamente desta versão.

Bibliografia editar

  • Boisson-Chernorhokian, Patricia (1996). «Vision chalcédonienne et non chalcédonienne de la liste des patriarches de l'Église arménienne jusqu'au xe siècle». In: Nina Garsoian. L'Arménie et Byzance : histoire et culture. Paris: Publicações da Sorbona. ISBN 2-85088-017-5 
  • Grousset, René (1947). Histoire de l’Arménie des origines à 1071. Paris: Payot 
  • Hovannisian, Richard G. (1997). Armenian People from Ancient to Modern Times vol. I: The Dynastic Periods: From Antiquity to the Fourteenth Century. Nova Iorque: Palgrave Macmillan. ISBN 978-1-4039-6421-2 
  • Moisés de Corene (1736). Mosis Chorenensis Historiæ Armeniacæ libri III. Londres: Tipografia de Charles Ackers