Abrir menu principal

DescriçãoEditar

As espécies pertencentes ao género Spirodela passaram a ser consideradas parte da família Araceae desce a publicação do sistema APG II, sendo anteriormente consideradas como fazendo parte da família das Lemnaceae, actualmente considerada como a subfamília Lemnoideae daquela família.

As espécies de Spirodela são pequenas plantas talosas flutuantes, geralmente ocorrendo em pequenos grupos de duas a cinco plantas que em geral permanecem ligadas entre si. As plantas são talos achatados verdes, mas podem ter a face inferior castanha ou avermelhada, dos quais emergem múltiplas raízes (7 a 12 por talo). As espécies de Spirodela são maiores (10 mm) que as de Lemna (2–5 mm, e apenas uma raiz por talo).[4]

Algumas espécies de Spirodela invernam como turiões, uma forma dormente desprovida de bolsas de ar que se afunda e permanece junto ao lodo do fundo durante o inverno. Na primavera os turiões libertam gases no interior dos tecidos e sobem até à superfície, onde germinam e formam novas populações.

Espécies de Spirodela formam frequentemente tapetes flutuantes sobre a superfície de lagoas e outros corpos de água estagnada, muitas vezes em conjunto com espécies dos géneros Lemna e Wolffia.

O géneros tem virtualmente distribuição cosmopolita.[1][4] Landoltia punctata é frequentemente referida como Spirodela punctata.[5]

EspéciesEditar

O género Spirodela inclui as seguintes espécies:

A espécie Spirodela punctata (G.Mey.) C.H.Thomps., nativa da América do Sul, América Central e Índias Ocidentais, foi movida para o género monotípico Landoltia como Landoltia punctata.

ReferênciasEditar

  1. a b Kew World Checklist of Selected Plant Families
  2. Govaerts, R. & Frodin, D.G. (2002). World Checklist and Bibliography of Araceae (and Acoraceae): 1-560. The Board of Trustees of the Royal Botanic Gardens, Kew.
  3. Landolt, E. (1986) Biosystematic investigations in the family of duckweeds (Lemnaceae). Vol. 2. The family of Lemnaceae - A monographic study. Part 1 of the monograph: Morphology; karyology; ecology; geographic distribution; systematic position; nomenclature; descriptions. Veröff. Geobot. Inst., Stiftung Rübel, ETH, Zurich.
  4. a b Flora of North America
  5. Les, D. H. and D. J. Crawford. 1999. Landoltia (Lemnaceae), a new genus of duckweeds. Novon 9: 530-533.

Ligações externasEditar