Abrir menu principal
TV Cerro Corá
PARAGUAI
Cidade de concessão Assunção
Canais
9 analógico
20 digital
Rede Sistema Nacional de Televisión
Proprietário GRUPO SNT
Fundação 29 de setembro de 1965 (53 anos)
Prefixo ZPV900 TV
Nome(s) anteriore(s) Canal 9
Canal 9 TV Cerro Corá
Cobertura Grande Assunção
Potência 1,0 W
Página oficial www.snt.com.py

A TV Cerro Corá é uma emissora de televisão paraguaia instalada na cidade de Assunção, capital do Paraguai. A emissora é sintonizada no canal 20 UHF. A emissora gera para o país, a programação da rede Sistema Nacional de Televisión em respectivas repetidoras. É a primeira emissora de televisão a entrar no Paraguai.[1]

Índice

HistóriaEditar

O ComeçoEditar

Em 29 de setembro de 1965, o Canal 9 TV Cerro Corá, de Assunção, Paraguai, inicia as transmissões oficiais, logo de sucessivas etapas de testes. O primeiro programa se chamou "La Inauguración" ("A Inauguração", em espanhol). A primeira transmissão oficial ocorreu às 19 horas e esteve relatada com a voz (e a imagem) do locutor Ricardo Sanabria, que desta maneira se tornou o primeiro locutor cuja voz se escutou em poucos aparelhos de televisão existentes.

A antena se encontrava na azotea do edifício do "Instituto de Previsión Social", o IPS, na esquina de Pettirossi e Constitución. No último piso estava o transmissor e o estúdio no 7º piso. Engenheiros estadounidenses formaram o pessoal paraguaio.

Séries estrangeiras ocupavam a programação emitida em horas noturnas: “Bat Masterson”, “Os Acuanautas”, “Lassie” e “Os Flintstones”.

Logo veriam os programas nacionais e os primeiros ídolos da televisão paraguaia: Charles González Paliza, Edith Victoria e a irmã Dorita Rudis, Carmen Maida, Felicita Matosh e Sarita Rivas Crovato.

Foram os famosos “El Show de Jacinto Herrera”; e “Jueves de Gala” com Mercedes Jané e Mario Prono.

As primeiras notícias da televisão paraguaia foram: “Sucesos Paraguayos”, produzido por Prisciliano Sandoval, e “Paraguay al Día” de Alfredo Lacasa Arellano, que foi o pioneiro e uns dos pais da televissão paraguaia.

Começa a transmitir pelo canal 20 UHF na tv digital em SDTV.

Primeira notíciaEditar

Trabalharam Héctor Velázquez e Susana Ibáñez Rojas. Era realizado e produzido por Alfredo Lacasa Arellano. Algumas notícias foram filmadas em película muda de 16 mm, em preto-e-branco; e se relataram sobre as imagens, ao vivo, do estúdio.

Horário de transmissãoEditar

A transmissão se iniciava às 17hs. Logo foi transferido às 12hs baixo a condução dos irmãos Arturo e Humberto Rubin, e a esposa do ultimo, Gloria. Também se encontrava Armando Rubin, pioneiro dos teleteatros, ao vivo.

Vídeo-TapeEditar

Em 1971, chega a primeira equipe profissional do vídeo tape, começando a emitir telenovelas argentinas, entre elas a popular “Simplemente María”. Mesmo que já se podería gravar localmente, a equipe de vídeo tape era de grande tamanho, peso e requerimentos elétricos, sem poder mover-se do estúdio. As telenovelas argentinas (Desesperadamente Vivir e Simplemente María) já foram ao ar em 1967.

Conexão de microondasEditar

Com a chegada da primeira equipe de microondas se transmitiram programas nacionais desde exteriores, tanto ao vivo como para gravar, como posteriormente a emissão.

Primeira telenovela paraguaiaEditar

Transmitiram series norte-americanas, telenovelas argentinas, mexicanas e brasileiras. Foi feita a 1ª telenovela gravada em vídeo Magdalena de la Calle.

TV em CoresEditar

Em 1978, foram realizadas as primeiras transmissões de imagem em cores com as partidas da Mundial de Futebol da Argentina.

Estação Terrena AreguáEditar

Com a Estação Terrena de Areguá, reciberam as primeiras transmissões de satélites. As transmissões em cores vão ocupando às de preto-e-branco, nos inícios da anos 80.

NotíciasEditar

Miguel Ángel Rodríguez e Pelusa Rubin como apresentadores, e Manuel Cuenca na função de repórter, participaram do tradicional notícias dirigido por Héctor Velázquez e Susana Ibáñez Rojas, transmitido em cadeia nacional, através da rede de microondas da empresa telefônica estatal. Mais tarde sucede o mesmo com a programação completa.

Referências

  1. (em castelhano) ABC Digital (14 de junho de 2009). Luis Verón, ed. «Pioneros de la televisión paraguaya». Consultado em 25 de agosto de 2009