Torre medieval

A construção das torres medievais, ou casas-torre, foi inspirada nas torres de menagem.[1]

Torre de Alcofra, Portugal.

Este tipo de construção fortificada, apareceu entre o século XII e o XIII, e era utilizada pela pequena e média nobreza como residência.

As casas torre evidenciavam um sinal de posse sobre as zonas férteis que as rodeavam e demostram a busca de prestígio e ascensão social pela pequena nobreza.

Estas torres apresentavam geralmente três pisos sem divisórias, sendo o térreo utilizado como armazém, o piso intermédio como sala e o piso superior como aposento do proprietário.

A entrada para a torre, era normalmente feita através duma porta existente no piso intermédio, a alguns metros do solo, e através duma escada amovível de madeira ou ferro.

As torres em PortugalEditar

Em Portugal, também a primitiva função destas torres foi a de habitação e refúgio para pessoas e bens, em caso de necessidade.

Símbolo de senhorio e poder militar, entretanto, ao final do século XV já haviam perdido a função como moradia habitual, dadas as suas reduzidas dimensões.

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. «Torre medieval». Biblioteca Nacional da Alemanha (em alemão). Consultado em 16 de maio de 2020