Abrir menu principal
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde Maio de 2012) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Trevor Horn
OBE
Trevor Horn tocando baixo em concerto.
Informação geral
Nome completo Trevor Charles Horn
Nascimento 15 de julho de 1949 (69 anos)
Origem Durham, England
País Reino Unido
Nacionalidade britânico
Gênero(s)
Ocupação(ões) músico, compositor e produtor musical
Progenitores Mãe: Elizabeth Horn
Pai: John Horn
Cônjuge Jill Sinclair (1980-2014, viúvo)
Instrumento(s)
Período em atividade 1966-atualmente
Gravadora(s) ZTT Records
Afiliação(ões) The Buggles
Art of Noise
Yes
The Trevor Horn Band
Seal
Página oficial www.trevorhorn.com

Trevor Charles Horn, OBE (Durham, 15 de julho de 1949) é um músico, compositor e produtor musical britânico.[1] Fundou o duo The Buggles, notório pelo single "Video Killed The Radio Star" cujo clipe foi o primeiro exibido pela MTV. Também integrou a banda Yes como vocalista, gravando o álbum Drama (1980). No início dos anos 80 se consolidou como um produtor e arranjador extremamente requisitado impulsionando diversos artistas, como o grupo alemão Propaganda. Recebeu um Grammy em 1996 pela produção do segundo álbum do cantor Seal. E ainda produziu o primeiro disco solo de Malcom Maclaren - DuckRock (1983).

Índice

DiscografiaEditar

The BugglesEditar

  • Chromium: Star to Star (1979)
  • The Age of Plastic (1980)
  • Adventures in Modern Recording (1981)

Art of NoiseEditar

  • Who's Afraid of the Art of Noise? (1984)
  • Daft (1986)
  • The Seduction of Claude Debussy (1999)
  • Reduction (2000)
  • Reconstructed (2004)

YesEditar

Referências

  1. Warner, Timothy (2003). Pop music: technology and creativity. [S.l.]: Ashgate Publishing. p. 155. ISBN 0-7546-3132-X. Consultado em 21 de junho de 2011