Abrir menu principal

Trigrama

página de desambiguação de um projeto da Wikimedia
Arranjo do Céu Posterior com os nomes dos trigramas em chinês

Os Trigramas (卦) (pinyin: guà) são desenhos que correspondem às 8 possibilidades de combinação de Yin Yang em três linhas. São elementos que estruturam o livro chinês I Ching (易經) (pinyin: yì jīng).

A representação dos oito trigramas desenhados em torno de um mesmo centro é chamado em chinês de Bagua.

TrigramasEditar

Os trigramas são sequências formadas por três linhas, compostas pela combinação de linhas contínuas ( ____ ) e linhas quebradas ( __ __ ).

As linhas contínuas representam o Yang (o convexo, a força, o movimento) enquanto as linhas quebradas representam o Yin (o concavo, a fraqueza, a quietude).

Estas linhas agrupadas em pares originam os quatro bigramas.

Através da adição de uma linha aos bigramas são constituídos os trigramas, representações básicas dos fenômenos da natureza.

Os oito TrigramasEditar

Esta tabela foi construída com os trigramas desenhados na vertical, o mais usual é representá-los na horizontal, considerar a linha mais à esquerda como linha inferior.

 
Derivação dos 8 trigramas segundo Fuxi.
Os 8 Trigramas e os 5 elementos
| | | qián Céu Metal
: : : kūn Terra Terra
| : : zhèn Trovão Madeira
: | : kǎn Água Água
: : | gèn Montanha Terra
: | | xùn Vento Madeira
| : | Fogo Fogo
| | : duì Lago Metal

A representação vertical dos trigramas torna mais aparente o motivo pelo qual podem ser lidos também como representações numéricas pertencentes a um Sistema binário. Assim, se tomarmos o "1" como representação do Yang e o "0" como representação do Yin, o trigrama da Terra poderia ser escrito como "000" e o do Céu como "111".

Dos Trigramas aos HexagramasEditar

Os 64 hexagramas do I Ching são obtidos através da combinação de dois trigramas.

Esta tabela foi construída com os hexagramas desenhados na vertical, o mais usual é representá-los na horizontal, considerar a linha mais à esquerda como linha inferior.

Para um quadro com todos os hexagramas do I Ching representados na horizontal, ver o artigo da Wikipédia Hexagramas (I Ching).

Os 64 Hexagramas
Céu Terra Trovão Água Montanha Vento Fogo 'Lago
qián kūn zhèn kǎn gèn xùn duì
| | | : : : | : : : | : : : | : | | | : | | | :
Céu qián | | | | | | | | | | | | : : : | | | | : : | | | : | : | | | : : | | | | : | | | | | | : | | | | | | :
Terra kūn : : : : : : | | | : : : : : : : : : | : : : : : : | : : : : : : | : : : : | | : : : | : | : : : | | :
Trovão zhèn | : : | : : | | | | : : : : : | : : | : : | : : : | : | : : : : | | : : : | | | : : | : | | : : | | :
Água kǎn : | : : | : | | | : | : : : : : | : | : : : | : : | : : | : : : | : | : : | | : | : | : | : | : | | :
Montanha gèn : : | : : | | | | : : | : : : : : | | : : : : | : | : : : | : : | : : | : | | : : | | : | : : | | | :
Vento xùn : | | : | | | | | : | | : : : : | | | : : : | | : | : : | | : : | : | | : | | : | | | : | : | | | | :
Fogo | : | | : | | | | | : | : : : | : | | : : | : | : | : | : | : : | | : | : | | | : | | : | | : | | | :
Lago duì | | : | | : | | | | | : : : : | | : | : : | | : : | : | | : : : | | | : : | | | | : | : | | | : | | :

Ao substituir as linhas contínuas por 1 e as quebradas por 0 o I Ching se configura como uma tabela de números binários. Quando o famoso matemático Leibniz conheceu o I Ching ficou maravilhado com a semelhança deste com o sistema binário que concebera.

Descrição de cada trigramaEditar

Trigrama Ideograma Pinyin Imagem natural Qualidades Outras imagens
  qián o Céu
Criatividade, força,
iniciativa
O Criativo, o cavalo (bom, velho, magro, selvagem), o pai, a cabeça, o redondo, o príncipe, o jade, o metal, o frio glacial, o vermelho escuro, um fruto...
  kūn A Terra
Disponibilidade, adaptabilidade,
referência, senhor de si
O receptivo, o búfalo, a mãe, o ventre, um étoffe, um caldeirão, a economia, a igualdade, o velho com o búfalo, um grande char, a multidão, o tronco, o sol noir parmi les autres...
  zhèn O Trovão
Impulsão, mudança de rota,
O Incitar, o dragão, o 1º filho, o pé, o amarelo escuro, uma grande rue, un roseau ou un jonc...
  kǎn A Água
Profundidade, resiliência,
O Insondável, o porco, o 2º filho, a orelha, les fosses, les pièges, o arco e a flecha, o sangue, o vermelho, a lua, a madeira firme com muitas marcas...
  gèn A Montanha
Rigor, coesão,
calma, solidez
A Imobilidade, o cão, o filho mais jovem (3º), o caminho tortuoso, as pedras, as portas, os frutos, as sementes, a madeira firme e nova...
  xùn O Vento,
A Madeira
Penetração, submissão,
interiorização
A Suavidade, o galo, a 1ª filha, les cuisses, le corbeau, o trabalho, o branco, o longo, o alto, o indeciso...
  O Fogo
Clareza, lucidez,
vivacidade
O Aderir, a fênix, a 2ª filha, o olho, o brilhante, o escudo e a armadura, a lança e os braços, la sècheresse, a tartaruga (la tortue), o caranguejo (le crabe), o escargot (caracol), a árvore ressecada no alto...
  duì O Lago
Expressividade e comunicativo,
alegria, vivacidade
A Alegria, o carneiro (le mouton), a filha mais jovem (3ª), a boca (e a língua), a feiticeira, ecraser briser en morceau, a vizinha(la voisine), o sol duro e sallé...

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar