Abrir menu principal

Atentado de Alphen aan den Rijn

(Redirecionado de Tristan van der Vlis)
Atentado de Alphen aan den Rijn
Localização de Alphen aan den Rijn, no centro dos Países Baixos.
Local Alphen aan den Rijn
 Países Baixos
Data 9 de abril de 2011[1]
Tipo de ataque Assassinato-suicídio, assassinato em massa
Alvo(s) Transeuntes do Shopping Ridderhof
Arma(s) Smith & Wesson M&P15-22, Colt M1911, Taurus Raging Bull
Mortes 7 (incluindo o perpetrador)
Feridos 17
Responsável(is) Tristan van der Vlis

O atentado de Alphen aan den Rijn foi um massacre que aconteceu em 9 de abril de 2011, quando seis pessoas foram assassinadas por um atirador no Shopping Ridderhof, em Alphen aan den Rijn, nos Países Baixos,[2] uma cidade que fica 33 km a sudoeste de Amsterdã.[3]

O atirador foi identificado como Tristan van der Vlis, um holandês de 24 anos natural de Alphen aan den Rijn. Utilizando um rifle semiautomático, Tristan matou um indivíduo do lado de fora do shopping e depois entrou no prédio e disparou mais de 100 balas, matando mais cinco pessoas e ferindo ao menos dezessete. Logo em seguida, sacou uma pistola e atirou contra a própria cabeça.[4] Foi o mais sangrento massacre nos Países Baixos deste o atentado terrorista de Apeldoorn, em 2009.[5]

Segundo a investigação posterior, Tristan era obcecado por vídeo games violentos e sofria de esquizofrenia paranoica, tendo demonstrado fortes tendências suicidas anos antes.[6][7]

Referências

  1. «Six People Killed In Netherlands Shooting». Sky News Online. 9 de abril de 2011. Consultado em 21 de março de 2019. Arquivado do original em 12 de abril de 2011 
  2. «Netherlands shooting 'kills six'». BBC News. 9 de abril de 2011. Consultado em 9 de abril de 2011. Cópia arquivada em 10 de abril de 2011 
  3. «Seven killed in Dutch shooting». Press Association. Consultado em 9 de abril de 2011 
  4. «Schietpartij Alphen a/d Rijn, een overzicht». NOS nieuws (em holandês). 9 de abril de 2011. Consultado em 10 de abril de 2011. Cópia arquivada em 11 de abril de 2011 
  5. «Schietpartij Alphen eist zevende leven». NOS nieuws (em holandês). 9 de abril de 2011. Consultado em 9 de abril de 2011 
  6. «Hij had het altijd over dat spel». Telegraaf.nl (em holandês). 12 de abril de 2011. Consultado em 21 de março de 2019 
  7. «Schutter was al eerder suïcidaal». NOS nieuws (em holandês). Consultado em 10 de abril de 2011