Abrir menu principal
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde março de 2018).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma favela é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Villa 31 é uma das maiores favelas da Argentina, situada nas imediações do centro da cidade de Buenos Aires. Surgiu ao redor de 1930 com o nome "Villa Desocupación". Desde sua criação ate hoje tem resistidos muitos intentos de erradicação.

Em 1931, em uma forte crise econômica mundial, a Argentina viu-se forçada a trocar seu tradicional modelo de produção agrária, que já não conseguia exportar, por uma nova etapa de industrialização das grandes cidades, que junto com a crise das economias das regiões internas e o desemprego, criou um atrativo na grão cidade, e somado á imigração provocou o grão crescimento da favela que então só era um pequeno assentamento de imigrantes italianos e trabalhadores ferroviários.

AtualidadeEditar

Em 2009 foi o foco de uma controvérsia sobre a construção de edifícios com vários andares (até seis andares), com materiais precários, feitos sem as medidas de segurança necessárias.

Em 2010, o Governo anunciou sua urbanização que irá durar até 2015[1].

O Governo da Cidade Autônoma de Buenos Aires ainda mantém um galpão dormitório nas cercanias da Villa.

Referências