Abrir menu principal
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.
VMD
Screenshot of VMD 1.8.3
Desenvolvedor Universidade de Illinois em Urbana-Champaign
Lançamento 1991
Versão estável 1.9.2 (01 dezembro 2014; 1780 dias atrás)
Linguagem C, C++
Sistema operacional Unix, OS X, Windows
Gênero(s) Modelagem molecular
Licença licença VMD
Página oficial www.ks.uiuc.edu/Research/vmd/

O Visual molecular dynamics (VMD) é um programa de computador para modelagem molecular e visualização.[1] VMD é desenvolvido principalmente como uma ferramenta para visualização e análise dos resultados de simulações de dinâmica molecular, mas também inclui ferramentas para trabalhar com dados volumétricos, dados de sequência e objetos gráficos arbitrários. Cenas moleculares podem ser exportadas para ferramentas de renderização externas, como o POV-Ray, RenderMan, Tachyon, VRML, e muitas outras. Os usuários podem executar seus próprios scripts Tcl e Python dentro do VMD já que este inclui embutidos interpretadores Tcl e Python. O VMD é executado em Unix, Mac OS X e Microsoft Windows.[2] O VMD está disponível para usuários não-comerciais, em uma licença específica da distribuição que permite tanto o uso do programa e modificação do seu código fonte, sem nenhum custo.[3]

HistóriaEditar

 
Gráficos moleculares do Vírus Satélite do Mosaico do Tabaco produzidos em VMD e renderizados usando Tachyon. A cena é mostrada com uma combinação de superfícies coloridas moleculares por uma distância radial, e ácidos nucleicos mostrados nas representações da fita. A renderização Tachyon usa tanto a iluminação direta quanto a de oclusão de ambiente para melhorar a visibilidade dos bolsos e cavidades. Os eixos VMD são mostrados como um exemplo simples de renderização de geometria não-molecular.

O VMD foi desenvolvido sob a égide do investigador principal Klaus Schulten no grupo de Biofísica Teórica e Computacional do Beckman Institute na Universidade de Illinois em Urbana-Champaign.[4][5] Um programa precursor, chamado VRChem, foi desenvolvido em 1992 por Mike Krogh, William Humphrey, e Rick Kufrin. A versão inicial do VMD foi escrita por William Humphrey, Andrew Dalke, Ken Hamer, Jon Sanguessuga, e James Phillips.[6] Foi lançada em 1995.[6][7] As primeiras versões de VMD foram desenvolvidos para estações de trabalho Silicon Graphics e poderiam também ser executadas na CAVE e comunicar com uma simulação NAMD.[1]

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Visual Molecular Dynamics

Referências

  1. a b Humphrey, William; Dalke, Andrew; Schulten, Klaus (Fevereiro de 1996). «VMD: Visual molecular dynamics». Journal of Molecular Graphics. 14 (1): 33–38. PMID 8744570. doi:10.1016/0263-7855(96)00018-5. Consultado em 4 January 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «VMD User's Guide Version 1.9.1» (PDF). NIH Resource for Macromolecular Modeling and Bioinformatics. Consultado em 5 de março de 2016 
  3. «VMD License». NIH Center for Macromolecular Modeling & Bioinformatics University of Illinois at Urbana-Champaign. Consultado em 5 de março de 2016 
  4. Schulten, Klaus. «Department of Health and Human Services Public Health Service National Institutes of Health NIH Resource Biomedical Research Technology Program Annual Progress Report, Grant Number P41 RR05969» (PDF). Consultado em 5 de janeiro de 2016 
  5. Schulten, Klaus J. «Department of Health and Human Services Public Health Service National Institutes of Health National Center for Research Resources Biomedical Technology Area Annual Progress Report (8/1/10 – 7/31/11), Grant Number P41RR005969» (PDF). Consultado em 5 de janeiro de 2016 
  6. a b «VMD Release History». NIH Center for Macromolecular Modeling & Bioinformatics University of Illinois at Urbana-Champaign. Consultado em 8 de março de 2016 
  7. Bishop, Tom Connor (4 de julho de 1995). «Announcing the Program VMD, Version 1.0». CCL.Net