William Richard Hamilton

William Richard Hamilton (1777-1859) foi um antiquário e diplomata britânico.

William Richard Hamilton

OrigensEditar

Nascido em St. Martin-in-the-Fields, Londres, em 1777, ele era o terceiro filho de Anthony Hamilton, arquidiácono de Colchester, e Anne, filha de Richard Terrick, bispo de Londres.

CarreiraEditar

Estudou na Harrow School e no St John's College, em Cambridge,[1] e em 1799 foi nomeado secretário-chefe de Thomas Bruce. Ele estava no Egito quando os britânicos assumiram o controle dos franceses, protegeram a Pedra de Roseta e supervisionaram seu transporte para a Inglaterra.[2] Depois de uma viagem pelo Rio Nilo, ele escreveu uma obra bem conhecida da egiptologia, Egyptiaca.[3]

De 1809 a 1822 Hamilton foi Subsecretário Permanente de Relações Exteriores, e de 1822 a 1825 foi Ministro e Enviado Plenipotenciário no Reino das Duas Sicílias. Em 1830 ele sucedeu Thomas Lawrence como secretário da Society of Dilettanti, cargo que ocupou até sua morte em 1859.

Referências

  1. Hamilton, William" in J. Venn e J. A. Venn, Alumni Cantabrigienses. 10 vols. (Cambridge: Cambridge University Press, 1922–1958) ACAD - A Cambridge Alumni Database
  2. https://www.webcitation.org/query?url=http://www.geocities.com/TimesSquare/Alley/4482/Rosetta.html&date=2009-10-25+11:24:57
  3. Remarks on Several Parts of Turkey, Part 1: Aegyptiaca or Some Account of the Ancient and Modern State of Egypt Obtained in the Years 1801-02, (1809)