Xerxes II

Xerxes II (? — 423 a.C.) foi um rei do Império Aquemênida, filho e sucessor de Artaxerxes I. Ele reinou por 45 dias nos primeiros meses de 423 a.C., sendo sucedido por seu meio-irmão Soguediano.

Xerxes II
Rei da Pérsia
Moeda aquemênida cunhada em Sardes, possivelmente sob Xerxes II
Reinado 424 a.C. (45 dias)
Antecessor(a) Artaxerxes I
Sucessor(a) Soguediano
Dinastia aquemênida
Nascimento século V a.C.
Morte 424 a.C.
Filha(s) Rodoguna
Pai Artaxerxes I
Mãe Damáspia

Nossa única fonte para o reinado de Xerxes II é o historiador grego Ctésias, um dos escritores menos confiáveis ​​da Antiguidade. Ele afirma que Xerxes II era o único filho legítimo de Artaxerxes I e Damáspia; e portanto foi nomeado príncipe herdeiro. Quando Artaxerxes e Damáspia morreram no mesmo dia, Xerxes ascendeu ao trono. A última tabuinha cuneiforme do reinado de Artaxerxes I é datada de 24 de dezembro de 424; não há tabuinhas do reinado de Xerxes II.[1]

Seus meio-irmão, Soguediano, filho de Artaxerxes com uma mulher babilônica chamada Alogina, conspirou contra ele. No quadragésimo quinto dia de seu reinado, Xerxes foi morto quando estava bêbado e Soguediano tornou-se rei.[1]

Referências

  1. a b «Xerxes II and Sogdianus». Livius.org. Consultado em 23 de junho de 2021 
  Este artigo sobre reis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.